RCB/TuneIn
Domingo, 13 Jun 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
"RECOMEÇAR EM IDANHA" NO TOP 20 MUNDIAL
Rádio Cova da Beira
Idanha a Nova está entre 20 melhores marcas territoriais do mundo, com a campanha "Recomeçar em Idanha". A City Nation Place elaborou uma lista das 20 melhores campanhas de marketing e promoção de marca dos últimos anos. Idanha a Nova é a única presença portuguesa no top 20 da ‘Hall of Fame’, com a estratégia “Recomeçar em Idanha a Nova”.
Por Paula Brito em 12 de May de 2021

Outras da categoria:

Da listagem fazem parte as cidades de Helsínquia, Costa Rica, Copenhaga, Eindhoven, Auckland, Salt Lake City, Ilhas Faroé, Bergen, Vilnius, entre outras. Armindo Jacinto considera “extraordinário que uma pequena localidade de Portugal, marcadamente rural, esteja lado a lado com grandes cidades mundiais. É o reconhecimento do trabalho que estamos a fazer no concelho de Idanha-a-Nova, com inovação, criatividade e diferenciação”, afirma o presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, em comunicado.

 

Para o autarca, “a distinção demonstra que a estratégia de Idanha está no bom caminho e que os territórios do interior oferecem muitas oportunidades. Com isto, ganhamos destaque a nível nacional e internacional, o que é importante para captarmos mais talento e investidores, criarmos mais riqueza e emprego”.

 

O ‘Hall of Fame’ da City Nation Place, publicado este mês de maio, distingue as 20 melhores e mais criativas marcas e estratégias territoriais a nível mundial e destaca a estratégia "Recomeçar em Idanha-a-Nova", desenvolvida pelo Município de Idanha-a-Nova e a Bloom Consulting Portugal, em conjunto com 52 stakeholders locais, como um “exemplo magnífico do impacto que uma estratégia de desenvolvimento pode ter num território”.

 

Uma estratégia que segundo o município de Idanha a Nova tem dado resultados uma vez que, “os dados da Pordata demonstram que em 2019 foi possível, pela primeira vez, inverter um histórico de décadas de fluxos migratórios negativos, com o concelho de Idanha-a-Nova a apresentar hoje um saldo migratório positivo, ou seja, há mais pessoas a chegar do que a sair do concelho.”


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados