RCB/TuneIn
Quarta, 12 Mai 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
SEGURANÇA UNE AMC
Rádio Cova da Beira
A Assembleia Municipal da Covilhã (AMC) aprovou, por unanimidade, uma moção apresentada pela bancada do CDS-PP. As preocupações com os meios e as condições necessárias para o funcionamento dos postos da GNR esteve na origem na moção dos centristas que reuniu consenso à esquerda e à direita.
Por Paula Brito em 15 de Mar de 2021

“É nossa obrigação assegurar que as questões de segurança sejam devidamente acauteladas, nomeadamente, para tentar evitar situações em que existem falhas com dimensões sempre trágicas com custos elevadíssimos em termos patrimoniais, mas sobretudo em termos Humanos”, pode ler-se na moção que delibera instar o Ministério da Administração Interna e comando distrital da GNR a dotar todos os posto territoriais dos meios humanos, infraestruturas e equipamentos necessários ao seu funcionamento e ao exercício condigno das suas funções junto da população.

 

A moção do CDS/PP recomenda ainda à autarquia covilhanense que disponibilize “todos os recursos municipais disponíveis e pugne, junto do poder central para que garanta o exercício condigno das suas funções junto das populações do concelho.”

 

Uma moção aprovada por unanimidade na Assembleia Municipal da Covilhã que reuniu, na passada sexta-feira, durante cerca de oito horas no grande auditório da Faculdade de Medicina na Universidade da Beira Interior. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados