RCB/TuneIn
Terça, 11 Mai 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
DISTRITAL DE CASTELO BRANCO
Os desfechos da jornada nove do distrital de Castelo Branco n?o alteraram rigorosamente nada a tabela classificativa, no que se refere aos primeiros cinco lugares, isto porque os clubes que ali se posicionam venceram os seus jogos, com maior ou menor dificuldade.
Por José Joaquim Ribeiro em 22 de Nov de 2009

O líder, Pedrógão, deslocou-se a casa do último classificado, o Unhais da Serra e saiu do Campo das Torgas com uma vitória por 2-0, num jogo que os comandados de Xana controlaram em toda a linha, tiveram muito boas oportunidades para terem marcado maior número de golos, mas não se pode dizer que tenham feito uma grande exibição. Aos 9 minutos a equipa de Pedrógão de S. Pedro marcou o primeiro golo, por intermédio de Fábio Portugal, na sequência de uma jogada bem urdida por Ricardo Santos, que conduziu o esférico até à linha de fundo, cruzou para a pequena área onde o seu companheiro se limitou a encostar para o fundo das redes. O golo que deu alguma justiça à diferença de futebol praticada pelas duas equipas só aconteceu aos 85 minutos e nasce de um livre directo, assinalado sobre a direita e próximo da grande área e que Roque, com um remate rasteiro, atirou para o fundo das redes do jovem guardião João Pedro. O Unhais, com um conjunto de jogadores muito jovens nota-se que estão a crescer, mas Rui Ferraz ainda tem ali muito trabalho a fazer.

O jogo considerado mais importante da jornada realizou-se no Municipal do Fundão, entre a Desportiva e o Vitória de Sernache. A equipa fundanense venceu por 2-0, mas só na segunda parte conseguiu ultrapassar a defensiva da equipa se Simões Gapo. Aos 60 minutos marcou o primeiro golo por intermédio de Ricardo Fonseca, pouco depois a equipa do Sernache teve oportunidade de empatar, por Paulo Lopes, mas aos 84 minutos Chiquinho deu a machadada final na partida, ao apontar o segundo golo da equipa fundanense.

Numa partida que se esperava que houvesse algum equilíbrio de forças, aconteceu uma das goleadas da jornada. Foi no Estreito, com a formação do Águias do Moradal a brindar o Proença-a-Nova com uma goleada por 5-1. A equipa de António Belo marcou cedo, por Vieira, quando estavam decorridos 20 minutos, mas antes já tinham desperdiçado uma grande penalidade, por Edmilson, contudo, a equipa comandada por Quim Manuel chegaria ao empate, aos 34’, por intermédio de Acácio. Este empate foi sol de pouca dura, porque o Águias, na contra - resposta, voltou a ganhar vantagem no marcador, com um golo de Esteves. O mesmo Esteves, cinco minutos depois voltou a marcar e colocou o resultado em 3-1. No segundo tempo a equipa do Estreito, que parece estar muito confiante, marcou mais dois golos, o último dos quais na conversão de uma grande penalidade que Edmilson, desta vez não desperdiçou.

A outra goleada da jornada aconteceu na Atalaia do Campo, com a equipa de Joca a brindar a Lardosa com oito golos sem resposta. Foi uma partida que teve em Ucha e Zé Luís os jogadores em maior evidência. Ucha marcou quatro golos, fez os dois primeiros e os dois últimos, enquanto que Zé Luís, também com o pé quente, facturou por três vezes. Marcou o terceiro o quinto e sexto golos da sua equipa, pelo meio ficou o golo que Hugo Brito apontou, de livre e que na altura colocava o resultado em 4-0. Com uma vitória tão expressiva, os comandados de Joca só podem estar satisfeitos e na luta pelo titulo.

Em Vila de Rei o Vilarregense conseguiu, nesta jornada, vencer pela primeira vez em sua casa e obteve a segunda no campeonato, antes tinha vencido em Unhais da Serra. A “ vítima “ foi o Valverde. O Vilarregense adiantou-se no marcador quase em cima do intervalo, pelo sempre eficaz Nuno Alves. Na segunda parte o Valverde chegou à igualdade, com um golo de João Neves, mas o Presidente do clube de Vila de Rei lá teve que resolver a contenda a favor da sua equipa. Nuno Alves lá estava no sitio certo para atirar para o fundo das redes do Valverde e com esse golo permitir que a sua equipa conquistasse os três pontos em disputa.

No Teixoso, num jogo entre equipas que têm os mesmos objectivos e que passam, naturalmente, por ficarem entre os seis melhores, o Grupo Desportivo Teixosense levou a melhor sobre o Oleiros. A equipa de Mário Pereira venceu por 2-0, com Chasqueira a marcar o primeiro golo, ainda na primeira parte e Bragança, no segundo período, fixou o resultado final da partida.

Como se disse na abertura desta análise à jornada, os cinco primeiros da classificação venceram os seus jogos e por isso nada se alterou nestas e também nas posições seguintes. O Pedrógão lidera com 21 pontos, seguido da Atalaia do Campo e da Desportiva do Fundão, com 20, o Águias do Moradal segue na 4ª posição com 19 e o Teixoso é 5ª com 16 pontos. Dentro do grupo dos seis melhores está, também, o Oleiros, com 14 pontos mas tem o V. Sernache a um ponto de distância e o Valverde a dois pontos.

No próximo fim-de-semana o jogo da jornada é sem duvida aquele que se vai realizar no Campo Tenente Manuel Morais, em Pedrógão de S. Pedro. O líder vai receber um dos segundos da geral, a Desportiva do Fundão. Por sua vez, a outra equipa que partilha a segunda posição, a Atalaia do Campo, recebe o sempre difícil Valverde. Outro dos jogos que merece aqui referência é o Sernache – Teixosense.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados