RCB/TuneIn
Quarta, 23 Set 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
PC MEDIC MUDA-SE DA COVILHÃ PARA O FUNDÃO
Rádio Cova da Beira
Desde Janeiro que a empresa está à procura de instalações maiores que permitam implementar projectos que vão aumentar de 140 para 170 o número de postos de trabalho até final do ano, justifica o coordenar do call center. Vítor Pereira diz que o problema já tinha sido colocado ao anterior executivo, e que o actual apresentou várias soluções, mas em vão.
Por Paula Brito em 25 de Feb de 2014

Outras da categoria:

À RCB o coordenador do Call Center do PC Medic, garante que a empresa pretende manter-se de pedra e cale na região e  encara a mudança da Covilhã para o Fundão como a resolução de um problema "neste momento já estamos com as dimensões apertadas em termos de espaço e como temos alguns projectos precisávamos com urgência de tomar a decisão de encontrar um espaço próximo da zona onde estamos a laborar para podermos prestar o melhor serviço aos nossos clientes", Jorge Marques acrescenta que "nós não cortámos relações com a câmara da Covilhã, que fique claro, o que não encontrámos foi um espaço adequado para aquilo que nós precisávamos". 

Segundo o presidente da câmara da Covilhã, a empresa precisava "de um espaço com pelo menos 1.600 m2 em open space, bons acessos e capacidade de estacionamento, capacidade imediata do espaço sem necessidade de grandes obras de adaptação, o que sucede é que, lamentavelmente, e apesar de lhe termos apresentado diversas soluções, esta empresa já havia assumido compromissos com o município do Fundão e, não obstante os esforços deste executivo, não foi possível demovê-la da sua intenção".

Sem querer adiantar quais as soluções que o município apresentou "porque há outros investidores interessados e ficamos com elas em carteira",  Vítor Pereira garante que as relações entre os dois municípios não saem beliscadas "de maneira nenhuma, aliás apraz-me registar que em vez de ir para longe ou para fora do país fica na Cova da Beira, a informação que tenho é que 90% dos colaboradores são oriundos do concelho da Covilhã e os postos de trabalho mantém-se".

Segundo o coordenador do Call Center "os colaboradores permanecem, sejam da Covilhã, Fundão ou arredores o nosso objectivo era manter a operação principal da empresa a laborar na região, independentemente do concelho a que pertence, o que se pretende é fazer crescer, dentro destes dois concelhos que são muito próximos, o mercado de trabalho" 

Na Covilhã desde 2009, a PC Medic decide mudar-se para o Fundão e instalar-se nas antigas instalações da Toyota, à entrada da cidade, até final de Abril "nós desde Janeiro que estamos à procura de um espaço quer através de instituições públicas quer através de imobiliárias e esse espaço foi o que mais nos agradou, é  um espaço com a dimensão que nós achamos que necessitamos para os próximos anos".



  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados