RCB/TuneIn
Domingo, 15 Dez 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
NOVO FIGURINO
C?mara municipal do Fund?o sai da associa??o promotora do ensino profissional da Cova da Beira. Rec?m-criada associa??o dos antigos alunos, funcion?rios, professores e dirigentes da escola profissional do Fund?o (AAFPDDEPF) substitui autarquia.
Por Paulo Pinheiro & Paula Brito em 19 de Aug de 2008

O actual figurino, associação comercial e industrial do concelho do Fundão e câmara municipal, da direcção da associação promotora do ensino profissional da Cova da Beira não podia continuar, afirma o presidente da CMF. De acordo com Manuel Frexes “é uma decisão formal por imperativos de carácter procedimental, relativamente a questões de financiamento de apresentação dos projectos ao QREN e a outros fundos, mas o nosso objectivo em relação à escola continua a ser o mesmo” refere o autarca fundanense.

 

Para substituir a CMF na associação promotora do ensino profissional da Cova da Beira acaba de ser criada uma nova associação, a dos antigos alunos, funcionários professores e dirigentes da escola profissional do Fundão. Alfredo Ferreira preside à assembleia-geral, António José Leitão ao conselho fiscal, a direcção é formada por Santos Costa, José Soares e Ana Galante.

 

Para o presidente da nova associação a saída da câmara não fragiliza a escola profissional do Fundão (EPF) por duas razões” porque poderá ser bem substituída pela associação dos antigos alunos e porque sei que a câmara, saindo formalmente, não deixa de estar interessada no desenvolvimento da associação promotora, que é arrendatária do seu edifício”.

 

A nova associação pretende congregar esforços de todos os elementos ligados à escola para constituir massa crítica interventiva no âmbito da formação profissional.  Até final do ano pretende realizar o primeiro encontro dos associados.

 

Para Santos Costa, o novo figurino da associação promotora do ensino profissional da Cova da Beira deve ser aproveitado para a abertura de um novo ciclo e para “ fazer desta oportunidade o relançamento da associação promotora e da escola profissional. Temos que aproveitar este momento para introduzir novas energias e cumplicidades” refere aquele responsável.

 Os estatutos da associação promotora do ensino profissional da Cova da Beira estão a ser revistos para se adequarem à nova realidade. Uma das mudanças passa pela eleição da direcção. Actualmente em regime de rotatividade, entre a ACIF e CMF, deve a partir de agora passar pela indicação de um elemento por cada uma das entidades, e em conjunto escolherem o terceiro membro da direcção.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados