RCB/TuneIn
Quarta, 26 Jun 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
TERMINOU A CAMPANHA DA CEREJA
Na Cerfund?o e na Cooperativa de Fruticultores da Cova da Beira foram entregues mais de 750 toneladas de cereja. Mais quantidade, menor calibre e alguns problemas marcaram a campanha deste ano.
Por Paula Brito em 21 de Jul de 2008

Na Cerfundão, a funcionar há dois anos junto ao mercado abastecedor na zona industrial do Fundão, entraram este ano mais de 400 toneladas de cereja "quase o triplo do ano passado" sublinha José Cruz em entrevista à RCB.

O maior problema da campanha deste ano foi a avaria da embaladora que impediu a exportação de cereja pevista para os mercados alemão e inglês "foi um problema grave que nos impediu de enviar 6 camiões de cereja por semana para a Alemanha e Inglaterra". Ainda assim a Cerfundão exportou alguma cereja "a granel" para a Holanda e mantém uma porta aberta para o mercado europeu no próximo ano agora que a embaladora já foi substituída. A Cerfundão, como já tinha avançado o vereador Paulo Fernandes na última reunião do executivo, está a equacionar mover uma acção à empresa que forneceu o equipamento, que iria estrear nesta campanha, pedindo uma indemnização pelos prejuízos causados.   

Na Cooperativa de Fruticultores da Cova da Beira entrou "mais do dobro" da cereja do ano passado: 320 toneladas, mais 75 toneladas de cereja para indústria e 20 toneladas de ginja. Números que corresponderam às expectativas do presidente da direcção. No entanto, Nabais Rapoula lamenta o facto do preço da cereja ter "baixado em relação ao ano passado".

Além da descida de preços, o dirigente associativo queixa-se também do baixo calibre da cereja. Segundo Nabais Rapoula a campanha teve dois contratempos "o primeiro foram as chuvas no início da campanha que estragaram grande parte das primeiras qualidades de cereja, o segundo foi a greve dos camionistas que impediu os camiões de chegarem às grandes superfícies durante três dias".

A Cerfundão e a Cooperativas juntas representam, no entanto, menos de metade da produção de cereja de toda a Cova da Beira.

 

 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados