RCB/TuneIn
Quinta, 12 Dez 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
"O SINDICALISMO NA REVOLU??O DE ABRIL"
? o nome do livro que Am?rico Nunes apresentou em Castelo Branco e na Covilh?. Natural da freguesia de Alma?eda, no concelho de Castelo Branco, Am?rico Nunes rumou aos 12 anos para Lisboa para trabalhar como recepcionista num hotel e acabou por ser um dos l?deres nacionais do sindicato do sector.
Por Paulo Pinheiro & Nuno Miguel em 28 de Feb de 2011

Com esta obra, o autor procura recordar o papel dos sindicatos durante o período da revolução e onde estabelece uma comparação entre os problemas que os trabalhadores então viviam e os que actualmente enfrentam

"Lendo o livro podem retirar-se muitas ilações que podem ser úteis à luta sindical dos trabalhadores na situação actual. Embora o contexto seja diferente, as ideias e os problemas, em termos objectivos, não são muito diferentes", refere o autor

Uma obra onde Américo Nunes deixa um forte apela à unidade do movimento sindical

"Sem unidade não há grande impacto da acção em torno de reivindicações e objectivos até mais alargados. Só através da união é possível evitar despedimentos, encerramentos de empresas ou conseguir positivamente conseguir melhorar salários, reduzir horários de trabalho ou lutar contra o desemprego".

Para o autor deste livro, só com a união dos trabalhadores e do movimento sindical é possível melhorar a condição de vida dos cidadãos.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados