RCB/TuneIn
Sexta, 30 Out 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
DECIS?O ERRADA E COM GRAVES CONSEQU?NCIAS
Foi desta forma que o presidente da c?mara municipal da Covilh?, Carlos Pinto, reagiu ao anuncio do governo de que a constru??o da nova rede vi?ria para a Serra da Estrela, que integra os IC?S 6,7 e 37 n?o vai ser feita com o recurso ? solu??o dos t?neis.
Por César Duarte Ferreira & Nuno Miguel em 23 de Jun de 2008
Os presidentes de câmara de Viseu, Nelas, Gouveia, Manteigas, Guarda e Belmonte mandataram Carlos Pinto para solicitar uma reunião ao primeiro-ministro onde vão manifestar a sua discordância quanto à tomada desta opção: “estamos à espera que ele nos receba para explicar que esta é uma decisão errada e que o Centro do país vai pagar caro se não for corrigida”, defende Carlos Pinto. O autarca covilhanense ainda acredita “que vão existir muitas voltas a dar, espero que haja diálogo, para se alterar esta situação.” Quem também discorda desta decisão do governo é Amândio Melo, presidente da autarquia de Belmonte, que defende que a opção dos túneis “queremos acabar com o lado de lá e de cá da serra, para dar maior coesão territorial”. Amândio Melo espera “que vai ser possível fazer o governo mudar de opinião sobre este assunto”.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados