RCB/TuneIn
segunda, 26 set 2022
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
ESCOLAS DE M?SICA EM RISCO
O novo diploma proposto pelo Minist?rio da Educa??o para o ensino especializado da m?sica pode encerrar a maioria das escolas de m?sica do pa?s. A preocupa??o deixada no jantar debate promovido pelo hotel Princ?pe da Beira e Academia e de M?sica e Dan?a do Fund?o sobre o futuro do ensino art?stico.
Por Paula Brito Batista em 03 de Jun de 2008

Para Teresa Rocha, directora pedagógica da Academia de Música S. Pio X e uma das oradoras do jantar debate, este diploma tem dois aspectos gravosos "primeiro dá às escolas uma enorme precaridade quanto ao financiamento e em segundo lugar dá a impresão que o ministério, nas palavras da senhora ministra, quer duplicar ou triplicar o número de alunos no ensino especializado da música mas com o mesmo dinheiro que gastava em 2006".

Para Teresa Rocha o novo diploma "vai tornar ainda mais elitista do ponto de vista financeiro o ensino da música" e se não for profundamente revisto "a maioria das escolas vão ter que encerrar o que representaria uma enorme perda não só pedagógica mas também cultural para o país". É que a maioria das escolas de música em Portugal estão no ensino privado e cooperativo (88) e existem apenas 6 escolas públicas de ensino especializado da música "isso é um problema da tutela que há muito deveria ter resolvido porque o ensino da música não pode ser só para quem pode."

O documento também preocupa o director da Academia de Música e Dança do Fundão. Uma preocupação que segundo João Correia vai mais além das questões do financiamento "não podemos estar sujeitos todos os anos à aprovação das candidaturas, imagine que este ano temos financiamento para uma turma e no próximo ano não, o que é que fazemos a esses alunos?". Para João Correia o diploma também peca pela indefinição de uma rede nacional de escolas de ensino artísitico e dos critérios de acesso a essa rede "estamos a construir a casa pelo telhado".

O diploma será objecto de discussão e análise esta semana entre o ministério da educação e as escolas.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2022 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados