RCB/TuneIn
Domingo, 20 Out 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
N?O AO COMANDANTE OPERACIONAL MUNICIPAL
O comandante dos bombeiros volunt?rios do fund?o n?o concorda com a cria??o da figura de comandante operacional municipal. Ant?nio Antunes diz que as verbas gastas pelas autarquias na cria??o deste novo cargo davam para comparticipar parte das equipas de interven??o permanente.
Por César Duarte Ferreira em 28 de May de 2008

Foi na cerimónia comemorativa dos 81 anos dos Bombeiros do fundão, que António Antunes criticou a nova figura criada pelo governo: “É mais um Job for the Boys. O dinheiro que as câmaras  vão gastar dava para pagar 50% de uma equipa de intervenção permanente.”

Além de ter sido criada contra o parecer da liga dos bombeiros portugueses e da própria associação nacional de Municípios, a figura de comandante operacional municipal vai também , segundo António Antunes, minar a hierarquia já que prevê que o comandante operacional nacional se articule com o comandante municipal passando por cima do comando distrital.

É um exemplo da febre de legislação que está a sair sobre o sector que segundo o comandante vem prejudicar as associações de bombeiros.

 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados