RCB/TuneIn
Domingo, 08 Dez 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
IMPASSE NA REGI?O CENTRO
Comiss?o de Coordena??o e Desenvolvimento da Regi?o Centro est? sem capacidade para dar resposta aos projectos candidatados a fundos comunit?rios. Um bloqueio que segundo o presidente da Comurbeiras est? a dificultar a vida ?s comunidades inter municipais e autarquias da regi?o centro.
Por Paula Brito em 17 de Dec de 2010

Carlos Pinto espera. no próximo ano, mais celeridade da CCDRC na aprovação de projectos uma vez que nesta altura "Coimbra está com um grave problema porque não tem estrutura logística nem funcionários suficientes". Segundo o presidente da Comurbeiras "as comunidades inter municipais avaliam e conduzem a execução física e financeira dos projectos, mas a determinada altura chegou-se à conclusão que as autoridades portuguesas não tinha validado esses procesidmentos com Bruxelas, assim esses poderes foram reafectados a Coimbra que agora não tem capacidade de resposta para a quantidade de projectos para analisar e aprovar".

Uma situação que, segundo o autarca, está a prejudicar não só as comunidades inter municipais mas também as câmaras municipais da região centro "no nosso caso temos as obras do Covilhã XXI, o projecto que apresentávmos com o Fundão e Castelo Branco, o funicular, os dois jardins, o edifício C de Vila de Carvalho".

O presidente da Comurbeiras aguarda uma reunião com o secretário de estado "há dois meses que estamos à espera desta reunião que tem sido sucessivamene adiada, porque é o encontro onde vamos fazer o ponto de situaçlão".

 

 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados