RCB/TuneIn
Segunda, 04 Jul 2022
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
A SMFTPJ PROMOVE CONFERÊNCIA
Rádio Cova da Beira
A Sociedade dos Amigos do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior (SMFTPJ) organiza a conferência do ciclo “As coisas & as palavras - Olhares sobre a reserva” no sábado, 21 de maio de 2022, pelas 15:30 horas no Museu Francisco Tavares Proença Júnior, em Castelo Branco.
Por Paulo Pinheiro em 17 de May de 2022

Na conferência intitulada “Ambientes da Beira Baixa – Imagens do Fratel Anos 20 a 50 do século XX”, Maria José de Araújo Martins e João Filipe Flores Bugalho apresentam pinturas/ aquarelas da Maria da Ascensão Pereira Flores, da reserva do Museu.

O acervo de obras em reserva do MTPJ guarda duas aguarelas de Maria Flores, representando ruas da aldeia do Fratel, datadas pela própria pintora, respectivamente de 1948 e 1954. Estas 2 pinturas são apresentadas durante a conferência.

Na sessão é também apresentado um trabalho académico da autoria de Joaquina Matoso de Oliveira Flores (1907-1992), familiar da pintora, que contextualiza expressivamente as pinturas expostas: Contrastes da nossa Terra. Apontamentos para um estudo de Geografia Humana (publicado na Revista Biblos da Universidade de Coimbra, em 1933).

“Constitui um valioso documento etnográfico sobre a vida rural até meados do século XX, reeditado por Maria José Martins, em 2013”, refere a SMFTPJ

Maria da Ascensão Pereira Flores (1899-1981) nasceu em Lisboa, filha do fratelense António Pé de Flores que, à semelhança de outros seus conterrâneos e familiares, se estabeleceu na zona de Alfama. Dotada de talento artístico, dedicou-se à pintura desde jovem, tendo sido orientada pelo pintor Roque Gameiro. As suas aguarelas captam com sensibilidade os ambientes que melhor conheceu, como Fratel, Castelo de Vide e Lisboa. Constituem documentos expressivos sobre as construções, os modos de vida e as paisagens da época em que foram produzidas.

 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2022 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados