RCB/TuneIn
Segunda, 11 Nov 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
ENTRE ALCAINS E PENAMACOR, DEU EMPATE....
O Alcains recebeu no Trigueiros de Arag?o, um Penamacor que contava por vit?rias todas as partidas disputadas at? ent?o. Na primeira parte os comandados de Hugo Andria?a chegaram ? vantagem e controlaram a partida. Reagiu bem o Alcains, que dominou os segundos 45 minutos e chegou ao tento do empate no ?ltimo minuto do tempo regulamentar. Um resultado que espelha o equil?brio que se verificou no jogo.
Por Rui Fazenda em 14 de Nov de 2010

O Penamacorense entrou "mandão" no jogo e criou a primeira situação de golo logo aos 8 minutos, com Esquivas a rematar de longe, levando a bola a bater com estrondo na barra da baliza de André Raposo. Os homens de Penamacor  continuavam a dominar a partida e chegaram naturalmente ao golo à passagem do minuto 19, quando Ricardo Costa com uma assistência brilhante isolou Pedro Silveiro, que na cara de André Raposo, não teve dificuldades em inaugurar o marcador.

O Alcains só por volta da meia hora é que conseguiu equilibrar a partida, evitando que o Penamacorense chegasse com tanta frequência a sua baliza. O intervalo surgiu com o Penamacor a ganhar por uma bola a zero.

Para o segundo tempo, João Laia trocou Williams por Filipe Gomes e Hugo Andriaça deixou nos balneários Bernardo e lançou Patriarca.

O Alcains conseguiu conquistar ascendente no jogo, ganhando a "batalha" a meio campo. Perante a supremacia Alcainense Andriaça teve que voltar a mexer  na sua estrutura e trocou, aos 64 minutos, Chiquinho por Mateus e o Penamacorense ganhou mais consistência.

O jogo ficou então bastante equilibrado, com Alcains e Penamacor a disputarem os lances na zona central do terreno, evitando que a bola chegasse perto da baliza.

Na parte final, dois lances de muito perigo, um para o Alcains, com Hélder Rodrigues, solto na pequena área, só com Oleh pela frente, não conseguiu fazer o golo e já perto do minuto 90, Luís Graça de cabeça enviou a bola a base do poste da baliza do Alcains.

Mas quando se esperava que Ricardo Fontes desse o tempo de compensação, o Alcains chegou com perigo a área do Penamacor e Esquivas, ao tentar cortar o lance, derrubou Filipe Gomes. Grande penalidade indiscutível e segundo amarelo para Esquivas. Na transformação, Nuno Carvalheiro bateu de forma irrepreensível e fez o empate .

Um resultado que se ajusta ao que aconteceu no terreno de jogo, onde o Penamacor entrou muito forte, mas o Alcains deu uma excelente resposta.

Quanto a Ricardo Fontes, tecnicamente nada de registo a assinalar, mas em termos disciplinares começou por utilizar um critério "largo", mas no segundo tempo exagerou nos cartões... 9 amarelos e 1 vermelho para o Penamacor e 1 amarelo para o Alcains, claramente um exagero.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados