RCB/TuneIn
Sexta, 10 Jul 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÔŅĹTICA
DEPUTADOS DO PSD QUESTIONAM GOVERNO
Costa Neves e Carlos S?o Martinho Gomes v?o questionar os motivos que levaram o IAPMEI a n?o apoiar a constru??o da nova unidade da "vidreira ideal do Fund?o".
Por Nuno Miguel em 12 de Nov de 2010

Os deputados do PSD eleitos pelo distrito de Castelo Branco na assembleia da república visitaram esta sexta-feira as obras e, segundo Carlos São Martinho "há aqui uma situação clara de incoerência; o governo diz que apoia as empresas e quando nós vimos ao terreno podemos ver que a realidade é outra, vamos por isso questionar o governo sobre este caso concreto".

O projecto das novas instalações da empresa, que vai ficar sediada na zona industrial do Fundão "já vem a ser desenvolvido há cerca de 2 anos porque se não tivessemos uma nova fábrica teriamos de despedir trabalhadores e nós não queriamos que isso sucedesse" diz Vítor Rebordão. O responsável da empresa diz "lamentar o facto de o IAPMEI não nos apoiar mas mesmo assim estamos a realzar a obra que deve ser inaugurada no próximo mês de Fevereiro".

Quanto á justificação para a falta de apoio, Vítor Rebordão refere que "primeiro a candidatura foi chumbada porque uma factura para a aquisição de uma máquina não continha um elemento escrito por extenso o que levou o IAPMEI a considerar que o equipamento já estava adquirido; nos reclamamos dessa situação e posteriormente a candidatura foi aprovada mas, por 2 décimas, já não tinha cabimentação orçamental para ser apoiada". 

Quem também acompanhou esta visita foi o vice presidente da câmara do Fundão. Paulo Fernandes diz não acreditar que esta situação se fique a dever ao facto de Vítor Rebordão ser também um autarca eleito pelo PSD no concelho da Covilhã "isso seria mais do que lamentável, mas eu não quero acreditar nisso; se fosse verdade o conselho que eu daria ao empresário é que levasse o processo até às últimas consequências pois poderiam ser colocados em causa regulamentos e normas estabelecidas pela União Europeia"  


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados