RCB/TuneIn
Terça, 19 Fev 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
POPULAÇÃO À ESPERA
A estação de tratamento de águas residuais de Atalaia do Campo, concelho do Fundão, serve apenas metade da população. O presidente da junta de freguesia considera a situação incompreensível.
Por Paulo Pinheiro em 07 de May de 2008
A denúncia foi feita pelo presidente da junta de freguesia de Atalaia do Campo no programa RCB “Manta de Ourelos”. A ETAR construída na aldeia, que serve várias freguesias vizinhas, não trata os esgotos de metade da população. Para António Mouro “esta é a parte mais grave que temos na freguesia. Os esgotos de metade da população vão para a ribeira, disto ninguém fala” acrescenta o autarca. A câmara municipal do Fundão conhece o problema, mas o presidente a edilidade remete para a empresa Águas do Zêzere e Côa (AZC) a responsabilidade na resolução da situação “tem sido uma luta permanente com a empresa. Fizemos investimentos enormes para dar condições de vida a estas populações, em diversos casos faltam apenas ligações que nunca mais são efectuadas, peço paciência aos residentes na freguesia” refere Manuel Frexes.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados