RCB/TuneIn
Terça, 26 Out 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
MOBILIDADE EL√ČTRICA NA SERRA DA ESTRELA
Rádio Cova da Beira
A Serra da Estrela est√° a receber o primeiro grande evento do projeto Estrela E-Bike Center durante este fim-de-sema, dias 18 e 19 de setembro: o ‚ÄúTranstrela 2021‚ÄĚ. V√£o ser dois dias a percorrer os trilhos da montanha mais alta de Portugal Continental em bicicleta el√©trica, como forma de promover uma mobilidade sem impacto ecol√≥gico.
Por Paulo Pinheiro em 18 de Sep de 2021

São 50 participantes, oriundos de várias zonas do país, que vão pedalar num evento que conta com dois dias de desafio e conhecimento. No sábado, realiza-se um trajeto que liga as Penhas da Saúde ao Vale do Rossim, com passagem por Manteigas e pelo Vale Glaciar do Zêzere, perfazendo um total de 72 quilómetros. No dia seguinte, vem o desafio mais difícil com uma distância mais curta, mas com uma oscilação de altitude muito superior que leva os ciclistas dos 1.500 m de altitude das Penhas da Saúde até aos 600 m em Cortes do Meio com passagens pelo Vale Glaciar de Alforfa e Nave de Santo António, aos 1.700 m de altitude.

 

Para a organização do evento, estes percursos variados e de dificuldade média-alta, permitem “aos cinquenta participantes passarem por lugares menos conhecidos como as matas densas de Manteigas, os vales, as lagoas, covões e cântaros que se irão enquadrar na componente cultural que os projetos do Estrela E-Bike Center irão sempre oferecer aos seus clientes. Um passeio para aventureiros, apreciadores da Natureza e da superação, mas também para quem queira conhecer mais sobre o ecossistema da Serra da Estrela. Uma verdadeira aventura com mobilidade sustentável e cultural”.

 

A iniciativa inserida no Estrela E-Bike Center, saído da ideia de três amigos apaixonados pela Serra, proporciona outras experiências a par de pedalar. Será realizado um almoço em plena Estrela, na zona do Vale do Rossim e um jantar na Pousada da Juventude em Unhais da Serra, com uma surpresa noturna de contemplação e interpretação da Natureza.

 

Em comunicado, a entidade organizadora afirma que o Transestrela 2021 “é o primeiro evento daquilo a que nos propusemos fazer de dar a conhecer aos outros mais sobre a Serra da Estrela de uma forma ecológica. Por isso as e- bikes, essa tecnologia extraordinária e não poluente, são claramente o elemento-chave para este projeto, permitindo-nos percorrer mais de 100 kms por montes e vales em dois dias, sem deixar pegada ecológica e levar connosco pessoas que de outra forma não o conseguiriam fazer”.

 

 

c/ Lara Cardoso 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados