RCB/TuneIn
Domingo, 19 Set 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
COLIGAÇÃO QUER NOVA COVILHÃ
Rádio Cova da Beira
Baixar o preço da fatura da água, acabar com a taxa de ocupação do subsolo, povoar o centro histórico, direcionar a Derrama das empresas para as coletividades e inverter a tendência de perda de população, foram alguns dos compromissos assumidos por Pedro Farromba, na apresentação das listas da Coligação "Juntos, fazemos Melhor".
Por Paula Brito em 31 de Jul de 2021

O candidato da coligação PSD/CDS à câmara municipal da Covilhã encontrou na letra de Joaquim Pedro Gonçalves, escrita para assinalar o centenário da Covilhã e imortalizada por Amália Rodrigues, o problema e a solução para a Covilhã.

 

“Já não somos das Beiras a rainha, perdemos a hegemonia regional que sempre tivemos, vimos os outros crescer e nós ficámos parados, e a solução da inércia destes últimos oito anos foi, nestes últimos meses, fazer obras à pressa. Mas também no hino da nossa cidade encontrámos a solução para o futuro, Covilhã tu és sangue novo, encontrar pessoas que, muitas delas, nunca se envolveram na política, que não precisam da política, e acreditaram que juntos seremos mais fortes e faremos muito melhor.”

 

Pedro Farromba, Ricardo Silva, Marta Alçada, Jorge Simões, Sandra Soares, Vera Oliveira e Miguel Silveira são, por esta ordem, os primeiros sete elementos da lista da coligação à câmara da Covilhã. Uma equipa que pretende dedicar um elemento, em exclusivo, à captação de empresas para o concelho e com elas, a fixação de pessoas.

 

Pedro Farromba quer ainda povoar o centro histórico ocupando com empresas e pessoas os 76 espaços de empresas devolutos que em janeiro último, existiam no coração da cidade.

 

“Vamos fazer do centro histórico da cidade um local de acolhimento de famílias, mas também um local de acolhimento de empresas. Imaginem se em cada um destes 76 espaços nós conseguimos por a trabalhar três ou quatro pessoas, a quantidade de pessoas que voltam a povoar o nosso centro histórico.” 

 

Pedro Farromba quer também aliviar os covilhanenses de alguns impostos municipais e assumiu o compromisso de acabar com a taxa de ocupação do subsolo.

 

“O nosso compromisso é que nos próximos quatro anos a taxa de ocupação seja zero. Vamos também mexer na derrama, as empresas vão poder doar o valor que pagariam da derrama às coletividades ao abrigo da lei do mecenato.”

 

Mas há outra fatura que Pedro Farromba quer ver reduzida. Aumentar a capacidade de armazenamento de água para baixar o preço da água é a proposta do candidato da coligação.

 

“A solução vai passar pela negociação conjunta destes dois fatores: nova barragem ou alteamento da barragem do Viriato e a diminuição do preço da água.”

 

Adolfo Mesquita Nunes, candidato da Coligação “Juntos, fazemos melhor” à assembleia municipal da Covilhã explicou a escolha do slogan.

 

“O juntos aqui não são os partidos, embora sejam bastante importantes, os juntos aqui não é apenas, e já é muito bom, o Pedro e eu termos achado que devíamos juntar as nossas capacidades, as nossas vontades, a nossa ambição, a nossa criatividade, a bem desta cidade. Juntos é a convicção que temos de ouvir as pessoas e construir com elas um caminho para o futuro.”

 

Mas há uma parte do slogan que de tão óbvia, deixou de ser promessa para ser dado adquirido.

 

“A parte do fazermos melhor nem sequer é uma promessa, fazer melhor é a coisa mais fácil que há, tendo em conta esta câmara. Eu acho com toda a convicção que esta cidade merece uma equipa nova, porque não correu bem. Em 10 anos nós perdemos 10% da nossa população, fomos, dos concelhos relevantes do interior, o concelho que perdeu mais gente.”

 

Adolfo Mesquita Nunes, Hugo Lopes, Vanda Ferreira, Jorge Vaz, Nélson Carvalho, Joana Rocha, Luís Rodrigues, Nuno Reis, Valéria Garcia, João Bernardo, Lino Torgal e Maria Graça Castelo Branco são, por esta ordem, os primeiros 12 elementos da candidatura à assembleia municipal da Covilhã pela Coligação “Juntos, fazemos melhor” apresentados, ontem à noite, no anfiteatro do jardim da Goldra. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados