RCB/TuneIn
Domingo, 19 Set 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
CNU´S: REGISTADOS 67 CASOS DE INFECÇÃO POR COVID-19
Rádio Cova da Beira
Foram registados 67 casos positivos de Covid-19 entre os participantes nas fases finais dos campeonatos nacionais universitários que decorreram nas últimas duas semanas na Covilhã e no Fundão. A maioria das infecções foi registada em equipas provenientes de Lisboa e de Évora.
Por Nuno Miguel em 31 de Jul de 2021
A notícia é avançada na edição deste sábado do jornal “Público” que refere que a maioria dos casos foi verificada na primeira semana da competição. Na última semana o número de infecções foi “residual”, de acordo com uma fonte da federação académica do desporto universitário.
De acordo com a FADU “a esmagadora maioria dos casos positivos têm origem em equipas competição na primeira semana das fases finais dos campeonatos nacionais universitários Covilhã-Fundão 2021, entre 19 e 23 de Julho. A competição envolveu cerca de 1300 pessoas o que significa que o número de infectados representou cerca de cinco por cento do total dos participantes”.
A federação acrescenta que “depois de confirmados os primeiros casos positivos de covid-19, durante a primeira semana da competição, também os dirigentes e oficiais dos clubes que permaneceram entre a primeira e a segunda semanas fizeram testes PCR, não sendo encontrado nenhum caso positivo”.
Na última semana do evento, que terminou esta sexta-feira, os casos são “residuais” e foram “praticamente todos localizados em equipas provenientes de Lisboa, zona do país onde se tem verificado nas últimas semanas maior número de casos diários, precisamente na faixa etária que as nossas competições abrangem”.
Para identificar contactos de risco, foram utilizados os critérios definidos pela direcção geral da saúde, que define as orientações para o desporto no âmbito do combate à pandemia. Isso significa que “os atletas e equipa técnica da equipa na qual foi identificado um caso positivo foram considerados contactos de um caso confirmado”. Mas a identificação de um caso positivo “não torna, por si só, obrigatório o isolamento colectivo da equipa”, uma vez que “foram implementadas medidas de prevenção e controlo de infecção, bem como testagem a todos os elementos dessa equipa”. A organização acrescenta ainda que “por prevenção, o médico da competição entendeu colocar em isolamento todos os colegas de quarto dos casos positivos, mesmo com a realização de um teste PCR.” 
Entre as medidas adoptadas no combate à propagação do vírus, a FADU destaca a fixação de um médico permanente para todo o evento. Por outro lado, todas as equipas foram testadas à chegada, “apesar da quase totalidade de modalidades em competição serem modalidades de médio risco e, por isso, sem obrigatoriedade de testagem.” Além disso, os clubes voltaram a ser testados na passagem da fase de grupos para as eliminatórias. Outra das medidas impostas foi a concentração das refeições nas cantinas da universidade de Beira Interior como forma de evitar que os participantes se dispersassem pelos restaurantes das duas cidades que acolheram o evento.
A RCB tentou contactar o presidente da direcção da AAUBI, Ricardo Nora, mas sem sucesso. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados