RCB/TuneIn
Sexta, 27 Nov 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
MUTUALISTA REABRE CENTRO DE DIA
Rádio Cova da Beira
A associação mutualista covilhanense vai retomar, na próxima quinta-feira, o funcionamento da valência de centro de dia que está encerrada desde o passado mês de Março. A estrutura vai funcionar fora de portas em instalações separadas do lar da instituição em Santo António.
Por Nuno Miguel em 19 de Oct de 2020

Outras da categoria:

Em comunicado, o presidente da direcção da mutualista refere que “como o centro de dia está acoplado a outra resposta social, que é a estrutura residencial para pessoas idosas, com instalações partilhadas, considerámos que a melhor solução para o pleno funcionamento das duas é separá-las provisoriamente, até ao fim da actual situação pandémica”.
Nélson Silva acrescenta que a associação “poderia ter optado por readaptar as instalações do edifício sede, de maneira a assegurar os requisitos constantes no guião orientador do ministério do trabalho e da  solidariedade, mas preferiu um espaço externo à instituição, como medida preventiva e de salvaguarda da saúde e bem estar dos seniores das diferentes valências que constituem um grupo particularmente vulnerável para a Covid-19”.
Após avaliação prévia da segurança social e da autoridade local de saúde, a Mutualista Covilhanense tem aval positivo para avançar com a instalação provisória do centro de dia em Santo António. O espaço do grupo recreativo tem um salão com uma área de 282 m2, com casas de banho, copa, cozinha de apoio e acesso a mobilidade condicionada independente pelo exterior”.
Neste comunicado, Nélson Silva sustenta ainda que, não obstante, e apesar da segunda vaga da pandemia, “a reabertura do centro de dia é fundamental, pela importância que tem ao nível do bem estar social e físico motor dos utentes, mas também pela particular relevância que assume para os seus familiares e cuidadores, tendo em conta as realidades sociais que o envelhecimento apresenta e as rotinas laborais e escolares, sobretudo nos casos de maior dependência”.
O centro de dia da Mutualista tem uma capacidade para 36 utentes. A instituição tem ainda 40 em lar e cerca de 60 em serviço de apoio domiciliário. Com o encerramento do centro de dia, em Março, passou a prestar serviços ao domicílio a perto de uma centena de pessoas. Para responder à situação pandémica e à reabertura desta valência, a Mutualista Covilhanense reforçou as suas equipas com 11 funcionários, tendo actualmente cerca de 60 colaboradores.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados