RCB/TuneIn
Quarta, 28 Out 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
PENAMACOR FLEXIBILIZA FUNDO DE EMERGÊNCIA
Rádio Cova da Beira
A câmara de Penamacor decidiu alargar o prazo de candidaturas do Fundo de Emergência Empresarial, até 31 de outubro. Os empresários podem ainda candidatar-se se tiveram perdas, entre 30 e 50%, nos meses de março, abril, maio e junho deste ano, quando comparado com período homólogo ano passado.
Por Paula Brito em 21 de Sep de 2020

Na primeira fase, que terminou a 31 de agosto, só podiam candidatar-se empresas com perdas superiores a 50%. Uma flexibilização, para permitir um maior número de empresas aceder ao fundo, de 100 mil euros, criado no passado mês de junho.

 

“O que criámos aqui é uma elasticidade maior, vamos até quebras de 30%, ou seja, entre 30 e 50%. Para todas aquelas que, não tendo fechado devido ao estado de emergência, tiveram quebras inferiores às que estavam em vigor nos períodos homólogos de março a junho do ano passado, para março a junho deste ano.”

 

Segundo o presidente da câmara de Penamacor, António Beites, na primeira fase deram entrada na autarquia, 70 candidaturas.

 

“Entraram, sensivelmente, 70 candidaturas no Fundo que abrimos, que estão em fase última de análise para pagamento para a próxima semana, a todos os que tiverem enquadramento. Posso dizer-vos que, toda a informação que tenho são residuais, pela análise contabilística que foi feita. No entanto, o fundo que aprovámos poderá ter esta elasticidade, para este fundo de reforço.”

 

Uma alteração votada por unanimidade que vai agora ser submetida à assembleia municipal que deverá reunir ainda em setembro. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados