RCB/TuneIn
Terça, 27 Out 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
PSD QUESTIONA PAPEL DE JOÃO PAULO CATARINO
Rádio Cova da Beira
A comissão política distrital do PSD vem, em comunicado, questionar o papel de liderança do secretário de estado das florestas no combate ao incêndio que, na última semana, fustigou mais de 16 mil hectares de floresta nos concelhos de Proença-a-Nova e Oleiros.
Por Nuno Miguel em 20 de Sep de 2020

Os social democratas sustentam que “em tempos de guerra não se mudam generais, mas é nestas alturas que se vê a qualidade de um suposto general. Com uma secretaria de estado das florestas sedeada em Castelo Branco e com um secretário de estado de Proença-a-Nova são os autarcas a ter de assumir a liderança, independentemente da sua filiação partidária”.

Para o PSD o distrito “tem perdido todas as batalhas” e não fora “a rápida intervenção dos nossos bombeiros, as decisões acertadas de todos os presidentes de câmara e o saber estar das nossas populações, o desastre assumiria com certeza maiores proporções. É imperioso combater o terrorismo interno, destruidor do nosso território. Mas esse combate, infelizmente, apenas se tem feito contra as chamas porque tem faltado um trabalho prévio e estratégico, capaz de assegurar uma efectiva prevenção”.

A distrital social democrata sublinha que a situação vivida no início desta semana “reforça de sobremaneira a importância da disponibilidade que já manifestamos para uma reunião conjunta com a federação distrital do PS. É fácil afirmar num congresso distrital que este é o tempo do interior, mas na prática, ignora se a luta diária pelo distrito”, considerando ainda que é urgente “abandonar o folclore político associado à localização de uma secretaria de estado na nossa capital de distrito, sem que daí resultem soluções concretas e mobilizadoras”. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados