RCB/TuneIn
Domingo, 17 Jan 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
TRABALHADORES PREOCUPADOS
Rádio Cova da Beira
Os trabalhadores da “Covibus” estão muito apreensivos com o seu futuro a partir do dia um de Setembro. Na próxima segunda-feira termina o contrato de prestação de serviços entre a empresa e a câmara da Covilhã para assegurar o serviço de transportes e o futuro é uma incógnita.
Por Nuno Miguel em 28 de Aug de 2020
Num abaixo assinado subscrito por 30 dos 40 funcionários da empresa é referido que “até ao momento nenhum trabalhador sabe se vai ter trabalho a partir do próximo dia um de Setembro” e “nada foi indicado” se vão ou não transitar “para a empresa que vai iniciar este serviço”.
Os trabalhadores acrescentam que, até à data, não sabem qual a empresa que vai iniciar o serviço “nem com que trabalhadores vai garantir os transportes na grande Covilhã” sublinhando que a empresa tem actualmente 40 postos de trabalho “a sua grande maioria efectivos” e muitos deles “tem o seu principal rendimento na «Covibus» e não tem garantias escritas da manutenção dos postos de trabalho”. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados