RCB/TuneIn
Sábado, 08 Ago 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
INCIDENTES LEVANTARAM MAIOR PREOCUPAÇÃO
Rádio Cova da Beira
A deputada do PSD eleita na assembleia da república pelo distrito de Castelo Branco acusa o ministro do ambiente e da acção climática de não dar “qualquer sinal de preocupação” em relação aos recentes incidentes registados na central nuclear de Almaraz.
Por Nuno Miguel em 07 de Jul de 2020

Outras da categoria:

Em comunicado, Cláudia André refere que o ministro insiste em dizer que “o governo de Espanha é soberano na tomada de decisão sobre as opções energéticas no seu país e, nesse contexto, no que respeita ao prolongamento do funcionamento da central nuclear de Almaraz”. Afirmações que, de acordo com a eleita social democrata demonstram que “o governo não tem dado qualquer sinal de preocupação sobre o assunto”, sublinhando que não foi recebida qualquer informação de que “existam algumas negociações nem tão pouco a realização de reuniões para se tentar chegar a um consenso entre os dois lados da fronteira”.
Cláudia André acrescenta que o ministro do ambiente e da acção climática demonstra “uma postura conformista e fatalista”, porque “em nenhum momento se comprometeu a realizar alguma acção diplomática com o governo do país vizinho”, o que “demonstra um esquecimento e falta de responsabilidade para com a região” face aos dois incidentes que ocorreram em Almaraz no final do passado mês de Junho e que “vieram levantar ainda mais a preocupação do PSD sobre os perigos da continuidade do funcionamento da central”.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados