RCB/TuneIn
Quarta, 05 Ago 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
AFCB: MANUEL CANDEIAS FOI REELEITO POR MAIORIA
Rádio Cova da Beira
Realizaram-se esta quinta-feira as eleições para o quadriénio 2020-2024, na Associação de Futebol de Castelo Branco. Manuel Candeias (candidato único) foi reeleito por maioria, para o seu terceiro mandato consecutivo à frente da instituição. Dos 43 clubes filiados na AFCB, votaram 19, que correspondem a um total de 159 votos. A Lista "A" obteve 157 votos a favor, e 2 votos em branco.
Por Miguel Malaca em 03 de Jul de 2020

Os novos órgãos sociais tomaram de imediato posse.

A cerimónia, que cumpriu os preceitos protocolares, e todas as regras de segurança, decorreu no auditório "Carlos Ranito Xistra" na sede da AF Castelo Branco, e contou com a presença do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes.

O acto serviu ainda para a despedida de Luís Correia, 21 anos depois, do cargo de presidente da mesa da assembleia geral da associação de futebol distrital, naquela que foi a sua última ao dar posse ao novo líder do órgão social, Joaquim Matias.

Tal como já tinha referido à RCB em 2019, Luís Correia reafirmou ontem que "cesso funções com a consciência tranquila e a sensação de dever cumprido, expressando o desejo de felicidade e de bom trabalho à nova direcção", disse.

O novo presidente da MAG da AFCB, no desempenho das suas funções, como por agradecer a Manuel Candeias a confiança.

"Começo por agradecer a Manuel Candeias a confiança em mim depositada, agradeço também ao Dr. Luís Correia o trabalho que com ele realizei e a amizade que nos une, e desejo felicidades à nova direcção". Joaquim Matias (recorde-se, que vai fazer parte também - notícia avançada pela RCB há um mês - da lista de Fernando Gomes, no cargo de elemento suplente na mesa da assembleia geral da FPF), deu depois posse a todos os órgãos sociais da AFCB.

No discurso, após a sua reeleição, para os próximos 4 anos, Manuel Candeias, começou por agradecer "aos subscritores da minha lista e a quem, através do voto, depositou confiança na nova direcção, às colectividades e a todos os elementos, que pelos mais diversos motivos cessaram funções, em especial ao Dr. Luís Correia, dizendo ainda, contudo, que continuo a contar com ele. Aos colaboradores e funcionários, pela lealdade e competência, aos elementos da nova equipa directiva, que se disponibilizaram e tiveram a coragem de mostrar vontade e disposição por exercerem a árdua tarefa que os espera, e por fim, ao presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Dr. Fernando Gomes, pela sua presença no acto, sendo para nós uma grande honra e um orgulho enorme tê-lo hoje aqui, sem esquecer, que tem feito até ao momento um trabalho espectacular na FPF, e conta com o meu total e incondicional apoio". Disse.

O empossado presidente da direcção da AFCB acrescentou ainda que " relativamente ao novo mandato, prometo trabalho, mais trabalho, e trabalho, e esperamos que isso se traduza em bons resultados. Queremos continuar a crescer no futebol e no futsal, em número e em qualidade", concluiu Manuel Candeias.

A cerimónia protocolar encerrou com as palavras de Fernando Gomes (concedeu também uma entrevista em exclusivo à RCB e ao repórter João Perquilhas).

 

foto: AFCB 

O presidente da FPF começou pelos agradecimentos. "Exalto, na pessoa do Dr. Luís Correia, a abnegação de todos aqueles que, roubando tempo à família, trabalham, de forma amadora, mas apaixonada, em prol das colectividades desportivas. Depois, quero também, na pessoa do presidente da MAG, Joaquim Matias, cumprimentar todos os elementos empossados para o exercício das funções que considero serem de utilidade pública, até porque, sem a disponibilidade destes elementos, muitas das vezes, não seriam criadas as condições para que a prática desportiva fosse, efectivamente, realizada neste distrito. Desejo as maiores felicidades a Manuel Candeias e à sua equipa, e claro, pode continuar a contar com o apoio da direcção da FPF. Por fim lanço um repto à nova direcção da AFCB. Um mandato tem de ter sempre um objectivo. Lanço um repto a Manuel Candeias para, junto da Câmara Municipal de Castelo Branco, encontrar um terreno bem localizado e com uma área adequada para o seu grande desafio, que é dotar a Associação de Futebol de Castelo Branco de uma academia para que os jovens tenham aí um espaço para desenvolverem as suas capacidades". Finalizou Fernando Gomes.

Lembramos que o actual líder da FPF vai ser também candidato único às eleições do organismo, na próxima sexta-feira, 10 de julho (curiosamente, dia em que irá comemorar-se a vitória da Selecção Nacional de Portugal, no Campeonato da Europa de Futebol, realizado em França em 2016), para mais um mandato de 4 anos ( 2020-2024).

Para além de Joaquim Matias(MAG), também Jorge Nunes, vai manter-se como representante da AFCB, como vogal do conselho de arbitragem não-profissional da FPF.

Relativamente aos restantes presidentes dos corpos sociais da AF Castelo Branco, eleitos para 2020-2024, recordemos que, para além de Manuel Candeias, na direcção e Joaquim Matias na mesa da assembleia geral, teremos ainda, Paulo Luís, no conselho fiscal, João Reis, no conselho de disciplina, Miguel Santos Marques, no conselho de justiça, José Eusébio, no conselho de arbitragem, e José Maria Teodoro, no conselho técnico.

Francisco Pires mantém-se como Coordenador do Futebol e Futsal de Formação (Gabinete Técnico), enquanto, André Rodrigues, substitui, Ricardo Ferraz(transita para a mesa da assembleia geral), como Gestor da AFCB. 

Manuel Candeias, recorde-se, já inaugurou em junho de 2017, a nova sede social, e prepara-se agora, para apresentar, em breve, um livro sobre a vida da associação de futebol de Castelo Branco, ao longo dos seus 84 anos de história, e inaugurar o museu da AFCB nas instalações da instituição. 

 

 

 

 

 

 

 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados