RCB/TuneIn
Sexta, 10 Jul 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
PROJECTOS AGRÍCOLAS VÃO TER BOAS PRÁTICAS AMBIENTAIS
Rádio Cova da Beira
Os promotores dos dois grandes investimentos agrícolas do concelho de Idanha-a-Nova, dedicados à produção de nozes e de amêndoas, assinaram um compromisso com a câmara municipal tendo em vista a adopção de boas práticas ambientais.
Por Nuno Miguel em 29 de Jun de 2020

Outras da categoria:

De acordo com o presidente da autarquia idanhense “estamos a falar de dois grandes projectos com capitais internacionais, que totalizam mais de 60 milhões de euros de investimento. Ambos decidiram assumir a aposta na sustentabilidade económica, social e ambiental, para aqui desbravarem os novos caminhos da sustentabilidade ambiental, que por vezes os grandes investimentos não têm em conta”.
Armindo Jacinto acrescenta que “estes projectos, que já estão a criar riqueza e dezenas de empregos na região, adoptam tecnologias e práticas de sustentabilidade adequadas à preservação da água e dos solos. Também estão a estudar metodologias para uma futura conversão em agricultura biológica, com a instalação de projectos-piloto com o apoio técnico do CoLab Idanha Food Lab”.
O acordo agora assinado promove a cooperação no âmbito da estratégia da bio-região de Idanha-a-Nova, integrada na rede internacional de bio-regiões, para associar as culturas de frutos de casca rija às melhores práticas de sustentabilidade ambiental. No âmbito deste projecto os promotores dos grupos “Vera Cruz” e “Trust Castle” comprometem-se “a adoptar medidas como o enriquecimento nutricional do solo, a criação de condições favoráveis para inexistência de pragas e doenças, a promoção do equilíbrio ecológico, a preservação da biodiversidade e a exploração dos recursos hídricos para irrigação de forma equilibrada”. Refere o município em comunicado
O grupo “Vera Cruz”, com um investimento de 50 milhões de euros na produção de amêndoa e a sociedade Trust Castel, que até à data já investiu cerca de 10 milhões de euros na produção de nozes, assumem compromissos de natureza económica e social, designadamente a construção, em Idanha-a-Nova, as fábricas de descasque e a criação de postos de trabalho residentes naquele concelho. Já a autarquia, no âmbito da estratégia de captação de investimento, vai propor a isenção de pagamento de IMT sobre a aquisição dos terrenos para a instalação das culturas. 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados