RCB/TuneIn
Terça, 14 Jul 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
“ELAS AO SOM DA FÁBRICA” EM FORMATO DIGITAL
Rádio Cova da Beira
Alunos finalistas do curso de licenciatura em Ciências da Cultura na Universidade da Beira Interior desenvolvem o projecto “ElasAoSomDaFabrica” que pretende resgatar memórias materiais e imateriais de mulheres, operárias fabris, da indústria de lanifícios da Covilhã e da região da Serra da Estrela.
Por Paulo Pinheiro em 05 de Jun de 2020

O arranque do projecto está marcado para esta sexta-feira, às 18:00h, em formato digital, na página de Facebook #Elasaosomdafabrica#. No último dia, domingo 7 de Junho, também às 18:00h, a RCB transmite o evento.

A organização sublinha que esta iniciativa tem como principal parceira a candidatura da Guarda a capital europeia da cultura, assim como o museu dos lanifícios, a associação “Coolabora” e a UBI pretendendo “reviver momentos do seu quotidiano e envolvendo diferentes áreas da cultura, perpetuando o feito destas mulheres que tanto contribuíram para o continuo desenvolvimento do nosso país”.

 

Os promotores acrescentam que “numa sociedade profundamente machista, as mulheres foram escalando os degraus da desigualdade até aos dias de hoje. Degraus que ainda estão presentes e por escalar na totalidade. Neste contexto, surgiu a ideia de dar o foco à mulher na sua jornada laboral, não esquecendo que apesar do trabalho, tinham de tratar dos filhos e lides domésticas”.

No início de cada dia da iniciativa é apresentado um trabalho promocional e ouvido o áudio de uma entrevista realizada com antigas operárias têxteis “que partilharão momentos que considerem importante dos seus tempos de fábrica, memórias da mesma e que não querem esquecer”.

No primeiro dia, depois da apresentação de uma das entrevistas, vai decorrer um momento performativo onde uma bailarina irá dançar ao som das máquinas das fábricas. Uma actividade complementada com a exibição de duas curtas metragens de antigas alunas de cinema da UBI, que retratam a vida nas fábricas de lanifícios da Covilhã.

No dia seis de Junho, para além da reprodução de mais uma entrevista, cada integrante do grupo de cantadeiras da casa do povo do Paul, vai enviar um vídeo a partir de casa com uma das suas músicas. Um trabalho que posteriormente vai ser compilado e editado num só vídeo.

A actividade termina no dia sete de Junho, na RCB e no Facebook, a partir das 18:00h, com a apresentação de uma terceira entrevista e de um momento musical

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados