RCB/TuneIn
Terça, 14 Jul 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
FPF: CONSELHO DE JUSTIÇA SUSPENDE FIM ANTECIPADO DA LIGAPRO
Rádio Cova da Beira
O Conselho de Justiça (CJ) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) suspendeu a decisão de terminar antecipadamente a II Liga 2019-20, e as consequentes subidas e descidas aprovadas pela direção da Liga Portugal, anunciou hoje o Cova da Piedade, um dos clubes que desceu de divisão, após decisão tomada pela LPFP, no início do passado mês de abril.
Por Miguel Malaca em 03 de Jun de 2020

Recorde-se que a direção da Liga de Clubes presidida por Pedro Proença, aprovou, em 5 de maio, a conclusão definitiva da II Liga devido à pandemia da Covid-19, promovendo, ao mesmo tempo, Nacional da Madeira e Sp. Farense à I Liga, e despromovendo, em simultâneo, Cova da Piedade e Casa Pia ao Campeonato de Portugal, decisão essa, que motivou um recurso do clube da margem sul para o CJ, organismo que, deferiu agora, as suas intenções.

 

Em comunicado, o clube que ocupava o penúltimo lugar da II Liga no momento da suspensão do campeonato revela, ainda, que a ordem de trabalhos da assembleia geral da Liga de clubes, marcada para a próxima segunda-feira, dia 8 de junho, inclui também um pedido de ratificação daquela deliberação da direção, “comprovando a falta de poderes da direção e consequente exigência de unanimidade para tal deliberação”. Pode ler-se no documento.

Nesse sentido, o Cova da Piedade promete ainda “analisar o conteúdo” da ordem de trabalhos da reunião magna de clubes e apresentar, e novos pontos e/ou propostas que se afigurem coerentes e decisivos para a clarificação das situações criadas pelo presidente da Liga, Pedro Proença”. Conclui a missiva, hoje conhecida.

Recorde-se que os piedenses (faziam parte da direção do organismo juntamente com Benfica, Sporting, FC Porto, Tondela e Gil Vicente, da I Liga, além de Mafra e Leixões, do mesmo escalão), anunciaram na passada semana a saída da direção da Liga de Clubes, seguindo a decisão do SL Benfica, convidando, inclusive, Pedro Proença a demitir-se das suas funções.

Lembramos também, que para além do Cova da Piedade, também o CD Feirense da II Liga, anunciou no último sábado que apresentará também um recurso para o CJ, depois de a direção da Liga ter indeferido uma reclamação administrativa apresentada pelos ‘fogaceiros’ relativamente ao cancelamento do campeonato.

Relembramos que no início de maio (dia 4), aquando da divulgação das três fases de desconfinamento, pelo Governo e DGS, a II Liga ficou logo de fora, das decisões tomadas, relativamente à conclusão das provas profissionais de futebol 2019-20, com excepção da I Liga (de 3 de junho, a 26 de julho) e da Final da Taça de Portugal (ainda sem data marcada pela FPF).

Com esta decisão da Liga Portugal, o Sp. Covilhã classificou-se no 11º lugar, com 32 pontos, quando faltavam ainda por disputar 10 jornadas. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados