RCB/TuneIn
Quinta, 04 Jun 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
MISERICÓRDIA DO FUNDÃO AGRADECE APOIOS
Rádio Cova da Beira
O escultor João Simão, entregou na Santa Casa da Misericórdia do Fundão (SCMF) 19 viseiras realizadas pela equipa ESART Project Factory, da Escola Superior Artes de Castelo Branco, onde José Simão leciona.
Por Paula Brito em 07 de Apr de 2020

Outras da categoria:

Tratam-se de viseiras permanentes de proteção para profissionais, como médicos, enfermeiros, funcionários de hospitais e lar que no exercício da profissão estão expostos à pandemia.

 

José Simão, que é Irmão na SCMF, explica que “o projeto está disponível com as indicações necessárias para que qualquer pessoa com impressora 3D o possa imprimir”.

 

Em comunicado, a Santa Casa da Misericórdia do Fundão agradece o gesto “profundamente altruísta” do investigador da Escola Superior de Artes do Instituto Politécnico de Castelo Branco.

 

Também uma Start Up ligada à Ubimedical, mas com instalações no Fundão, forneceu à SCMF 50 viseiras a preço de custo, estando prevista ainda a oferta de 10 viseiras.

 

Já a delegação do Fundão da Cruz Vermelha Portuguesa, presidida também por uma Irmã da SCMF, Fátima Padez, entregou à instituição várias dezenas de quilos de alimentos. “Um ato de solidariedade e cooperação institucional”, realça a instituição, em comunicado. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados