RCB/TuneIn
Sábado, 06 Jun 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
II LIGA: SP. COVILHÃ PERDEU (INJUSTO) EM CASA
Rádio Cova da Beira
Numa altura em que o Santos Pinto se prepara para receber terça-feira o Benfica para a Taça da Liga (as duas bancadas amovíveis já estão colocadas junto à baliza sul do estádio), o Sp. Covilhã na abertura da jornada 11 da II Liga, perdeu hoje injustamente frente ao Feirense. Não que tivesse feito um grande encontro, longe disso, mas por aquilo que realizou em campo merecia o empate.
Por Miguel Malaca em 30 de Nov de 2019

Num jogo com pouca qualidade de ambas as equipas, valeu pela incerteza do resultado, pela luta, garra, raça, e determinação de todos os jogadores, que mesmo tentado jogar para ganhar, o campo pesado devido à chuva, e as oportunidades de golo também foram muitas poucas, valeram os lances de bola para o score final, neste caso, favorável aos fogaceiros.

É verdade que o conjunto de Ricardo Soares teve mais bola, foi melhor na primeira parte, marcou um golo bonito por intermédio de Adriano aos 26’, e conseguiu criar mais duas boas situações de poder marcar por Kukula e Adriano. No entanto, 5’ volvidos, num lance de contra-ataque, bola longa, Fábio Espinho, com espaço na direita, rematou forte e restabeleceu a igualdade.

Filipe Rocha, ele que, recorde-se, foi na temporada passada treinador serrano, foi feliz no regresso à Covilhã pela vitória alcançada, depois de um segundo tempo em que a sua equipa defendeu muito e bem, cerrou fileiras, e das três vezes que em transições rápidas foi à área contrária, e numa deu golo.

Minuto 83’, livre (foram muitos que a equipa nortenha ganhou perto da área contrária) superiormente marcado por Victor Silva, e bola na baliza de Carlos Henriques.

Foi um golo caindo do céu, e que deu três preciosos pontos, os primeiros fora de casa esta época, ao Feirense.

Do lado do Sp. Covilhã, também de livre, aqui a grande diferença verificada no desafio, Kukula aos 70’ rematou ao poste da baliza de Caio Seco, com este batido, após livre de Bonani.

Injustiça à parte, a verdade é que o Sp. Covilhã não vence para o campeonato há quatro jogos.

Arbitragem do leiriense António Nobre sem influência no resultado final, mas com dualidade de critérios em lances de livres perto das áreas, desfavorável aos leões da serra. 

O plantel serrano regressa aos treinos já este sábado de manhã no complexo desportivo municipal da Covilhã, para começar a preparar a recepção ao SL Benfica dia 3 de dezembro às 20h15 (Taça da Liga). 

Tiago Moreira e Leandro Pimenta, continuam lesionados. 

O próximo jogo do Sp. Covilhã para o campeonato da II Liga está marcado para dia 8 de dezembro na Póvoa de Varzim às 17h15.

Relato na RCB.

Entretanto foi também hoje divulgado pela Liga Portugal o horário oficial da jornada 3 (última) do Grupo B da Taça da Liga.

O encontro Vitória de Guimarães - Sporting da Covilhã joga-se num sábado (21 de dezembro) às 20 horas (relato na RCB + Sportv), no Estádio D. Afonso Henriques, na cidade berço. 


 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados