RCB/TuneIn
Sexta, 14 Ago 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
CASTELO BRANCO É O DISTRITO COM MENOS REACENDIMENTOS
Rádio Cova da Beira
O distrito de Castelo Branco registou, no último ano, apenas dois reacendimentos, e desde há sete anos que não regista falsos alarmes.
Por Paula Brito em 29 de Nov de 2019

 

Segundo o presidente da comissão distrital da protecção civil, João Lobo, o distrito tem motivos de regozijo:

 

“O distrito tem, de facto, motivos de regozijo, e ficou isso patente nesta avaliação. Dizer que nos últimos cinco anos temos reacendimentos abaixo dos 0,5 e é o único distrito do país e tê-lo.  A nossa capacidade operativa ficou patente, no relacionamento articulado entre todos os agentes da Protecção civil.”   

 

No ano passado arderam, no distrito de Castelo Branco, 6.447 hectares, sendo que, em 97% das ocorrências a área ardida não foi superior a um hectare. Apesar disso, num único incêndio, em Vila de Rei, arderam cerca de cinco mil hectares.

 

No decénio, o ano 2017, vai contribuir para os maus resultados, mas no geral, o distrito, é uma referência nacional no combate e na prevenção.

 

“Vem, de facto, contribuir, e muito, para os resultados do decénio, mas sabemos que sabemos que, com os meios empenhados e com a capacidade de mobilização dos meios humanos e materiais, o distrito de Castelo Branco é uma referência a nível nacional nesta capacidade de prevenção e de combate.”

 

Em 2019 o distrito de Castelo Branco registou um total de 456 ignições. No total estiveram envolvidos 20 mil operacionais.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados