RCB/TuneIn
Segunda, 13 Jul 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
PS QUER CONHECER RAZ?ES
A bancada do Partido Socialista na c?mara municipal da Covilh? quer saber os motivos que levaram a autarquia a n?o integrar o projecto ?Ubi Medical?.
Por Nuno Miguel em 28 de May de 2010

Na última reunião pública do executivo João Correia questionou o presidente da autarquia sobre "os motivos que originaram esse afastamento uma vez que a iniciativa chegou a ser anunciada como o parkurbis Medical”. Para o vereador socialista este "é mais um exemplo das dificuldades de relacionamento que a autarquia e a UBI tem vivido ao longo da história".

Críticas rejeitadas pelo presidente da câmara da Covilhã. Carlos Pinto garante" que todo o projecto foi delineado pelas 2 instituições, foi apresentado junto da CCDRC e quando tudo estava a postos para ser aprovado houve reivindicações por parte da câmara de Abrantes a quem tinham sido prometidas verbas do QREN cientifico". 

O autarca acrescenta que "posteriormente fomos confrontados com a elaboração de um plano, chamado A 23, e que estava a ser elaborado pelo antigo ministro Augusto Mateus encomendado pela câmara de Abrantes. E foi nessa altura que a câmara decidiu afastar-se uma vez que não podiamos pactuar com o pagamento de favores que está implicita nesta situação.

Carlos Pinto deixa mesmo a garantia de que "esta situação causou algum mal estar junto dos responsáveis da Siemens e somos nós que estamos a tentar que ela se mantenha neste projecto". 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados