RCB/TuneIn
Terça, 12 Nov 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
PULSEIRA ELECTRÓNICA POR VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
Rádio Cova da Beira
Fica vigiado por pulseira electrónica o indivíduo, de 20 anos, detido pelo Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas do Comando Territorial de Castelo Branco da GNR por violência doméstica, na passada quarta-feira, 6 de Novembro.
Por Paulo Pinheiro em 09 de Nov de 2019

Além da pulseira electrónica, o homem fica proibido de contactar por qualquer forma ou meio com a vítima, a ex-namorada, de 19 anos, com quem manteve uma relação durante quatro anos e que o suspeito terá agredido, física e psicologicamente,

De acordo com a GNR, as agressões físicas terão sido infligidas durante o tempo em que estiveram juntos. Após a separação o suspeito continuou a agredir verbalmente a vítima com insultos e ameaças de morte, intimidando-a com a publicação de fotografias íntimas nas redes sociais.

 

Na sequência das diligências efectuadas, foi dado cumprimento a um mandado de detenção, dado o perigo de continuidade da violência praticada, e de dois mandados de busca em residências, nos concelhos de Lisboa e de Vila Velha de Ródão, que culminaram na apreensão de dois computadores e dois telemóveis.

 

Outra das medidas de coação aplicadas pelo Tribunal Judicial de Castelo Branco é a de proibição de aquisição e posse de quaisquer armas.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados