RCB/TuneIn
Sexta, 22 Nov 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
LABORATÓRIO COLABORATIVO NASCE EM IDANHA
Rádio Cova da Beira
A iniciativa tem como principal objectivo “colocar Portugal na vanguarda da produção alimentar sustentável e com potencial de sequestro de carbono” afirma a autarquia idanhense em comunicado. O projecto prevê um investimento de cerca de oito milhões de euros nos próximos cinco anos e a criação de mais de 20 postos de trabalho altamente qualificados.
Por Nuno Miguel em 22 de Oct de 2019

Neste comunicado a câmara de Idanha refere que este laboratório colaborativo “junta 14 parceiros dos meios académico e empresarial que vão testar várias tecnologias para melhorar os processos de produção alimentar em termos de mitigação de CO2, no impacto ambiental, no combate às alterações climáticas, no uso nulo de químicos artificiais, na gestão da água, na preservação da biodiversidade e na eficiência de toda a cadeia de valor”.

De acordo com o presidente da câmara de Idanha, com a criação deste laboratório o município “quer estar na vanguarda mundial em termos de processos inovadores em ambientes rurais, sejam estes de base tecnológica ou outros, que possibilitem a produção sustentável de alimentos saudáveis a preços competitivos, indo ao encontro das preocupações da organização das nações unidas em termos de alterações climáticas”.

Armindo Jacinto acrescenta que “vão ser trabalhados processos inovadores para fixar carbono, reduzir a emissão de gases com efeito de estufa, melhorar a gestão da água, preservar a biodiversidade, promover a economia circular e os circuitos curtos de comercialização, e, ao mesmo tempo, criar riqueza e emprego altamente qualificado em territórios de baixa densidade”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados