RCB/TuneIn
Sexta, 15 Nov 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
RECUPERADA PEÇA DE ARTE DESAPARECIDA HÁ 21 ANOS
Rádio Cova da Beira
A GNR de Malpica do Tejo (Castelo Branco) recuperou uma peça de arte sacra, desaparecida há 21 anos, no concelho de Castelo Branco, na terça- feira, dia 15 de Outubro.
Por Paulo Pinheiro em 19 de Oct de 2019

Com a redução de caudal no rio Pônsul, os militares da GNR foram alertados por um popular, do aparecimento de uma “alminha”, junto à ponte dos Lentiscais, que havia sido dado como furtada, há 21 anos, da freguesia de Louriçal do Campo.

 

De acordo com a Guarda Nacional Republicana foi accionado o Subragupamento de Montanha da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro, que procedeu à recolha deste objecto de arte sacra, com peso superior a 100 quilos, através de uma acção de recuperação com recurso a cordas a partir do tabuleiro da ponte.

 

Portugal é o único país do mundo que possui as “alminhas” no seu património cultural, localizadas habitualmente à beira de caminhos rurais e em encruzilhadas.

 

A peça foi entregue ao seu legítimo proprietário, a junta de freguesia de Louriçal do Campo, que irá proceder ao seu restauro e recolocação no local original.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados