RCB/TuneIn
Quarta, 13 Nov 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
REGADIO À MÍNGUA
Rádio Cova da Beira
Seca preocupa Associação de Beneficiários do Regadio da Cova da Beira. Se não chover com abundância este inverno, o cenário pode ser dramático. É que a campanha de rega já começou, este ano, com pouca água.
Por Paula Brito em 15 de Oct de 2019

“De facto, há motivos para preocupações. Este ano, devido a ter havido pouca chuva no inverno, comecei a campanha com 60 milhões de metros cúbicos nas duas albufeiras. Numa campanha normal, saem anualmente, para regar metade da área beneficiada, 60 milhões de metros cúbicos.”  

António Gomes, em entrevista ao programa “Flagrante Direto” da RCB, respondeu ainda às preocupações do autarca do Sabugal com os baixos níveis da barragem. O presidente da direção da Associação de Beneficiários do Regadio da Cova da Beira entende a preocupação, mas recorda que existe um plano de exploração da barragem.

“Ainda tenho 9 milhões de metros cúbicos na barragem do Sabugal, porque existe um plano de exploração para a albufeira, quer dizer que a água até à tomada que transvasa para a Meimoa, é nossa. O que quer dizer que se nós tirarmos os 9 milhões ainda lá ficam 30 milhões para abastecimento público. Mas é um facto que está demasiado baixa e, se calhar, os habitantes nunca a viram assim.”

Feitas as contas, para o regadio da Cova da Beira existem, nas duas albufeiras, 30 milhões de metros cúbicos de água.

“Vai esgotar plenamente. Tenho milhos bastante tardios ainda a regar, e, se não chover, ainda vou ter que manter esses milhos a regar até fins de novembro.”

Sem controle no clima, António Gomes espera que o inverno seja chuvoso.

“Se não temos um inverno chuvoso para repormos aquela água, para o ano começa a campanha com o quê? De qualquer forma, tem havido uma grande sensibilidade dos agricultores no uso eficiente da água, apesar das perdas de mais de 30% no bloco da Meimoa, que tem 30 anos.”

Um canal com 30 anos que ainda não foi entregue à Associação de beneficiários e que já está a precisar de ser requalificado. A Associação viu uma candidatura aprovada para o efeito, no quadro comunitário que agora encerra, mas sem verba para ser executada. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados