RCB/TuneIn
Sexta, 18 Out 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
ENSINO SUPERIOR: MAIS MEIO MILHAR COLOCADOS NO DISTRITO
Rádio Cova da Beira
Na segunda fase do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior (CNAES), a Universidade da Beira Interior e o Instituto Politécnico de Castelo Branco colocam 512 novos estudantes.
Por Paulo Pinheiro em 26 de Sep de 2019

A UBI regista 316 estudantes colocados nesta segunda fase do CNAES e o IPCB 196. Os resultados conhecidos esta quinta-feira indicam que a universidade sediada na Covilhã tem nesta altura 25 cursos de 1.º Ciclo e/ou Mestrado Integrado integralmente preenchidos. Engenharia Civil continua a não ter nenhum aluno colocado (20 vagas) e Bioengenharia e Engenharia Electrotécnica e Computadores ficam com 15 e 10 vagas por preencher.  Além destas, transitam para a terceira fase uma vaga em Arquitectura, cinco em Matemática e Aplicações e oito em Química Industrial.

 

Nesta fase, e à semelhança do que tem acontecido em outros concursos, o Mestrado Integrado em Medicina mantém a média de entrada mais alta da UBI. O último colocado tem como nota de candidatura 184,5. Seguem-se Engenharia Aeronáutica, com 164,5, e Ciência Política e Relações Internacionais, com 151,1.

Os alunos colocados devem fazer a matrícula e inscrição até dia 30 de Setembro (segunda-feira). Podem fazê-lo presencialmente no Polo I da UBI, ou através da plataforma online criada para esse efeito.

A apresentação da candidatura à 3.ª e última fase do Concurso Nacional pode ser feita entre os dias 3 e 7 de outubro, novamente no site da Direcção-Geral do Ensino Superior. Os resultados são divulgados no dia 11 do mesmo mês.

Nas licenciaturas do Politécnico de Castelo Branco foram colocados 196 novos estudantes, o que representa um aumento de cerca de 12% face ao número de colocados na 2.ª fase do CNA no ano de 2018 (174 estudantes colocados).

António Fernandes, Presidente do IPCB, mostra-se satisfeito com os resultados alcançados, que apontam a manutenção da tendência de crescimento do número de estudantes da instituição.

No Instituto Politécnico de Castelo Branco vários cursos ficaram sem qualquer aluno colocado. Engenharia e Protecção Civil (com 19 vagas), Engenharia Civil (20), Engenharia Industrial ( 25), Biotecnologia Alimentar (25)  Engenheira Electrotécnica e Telecomunicações (30).

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados