RCB/TuneIn
Terça, 22 Out 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
II LIGA: SP. COVILHÃ PERDE (INJUSTO) EM CASA
Rádio Cova da Beira
Foi um jogo intenso.O líder Sp. Covilhã perdeu pela primeira vez esta época na II Liga, e pode dizer-se que o resultado alcançado pelo Leixões não espelha o que se passou em campo, onde cerca de 800 espectadores (100 dos quais oriundos de Matosinhos), assistiram a uma grande jogo de futebol, principalmente na segunda parte, com cinco golos marcados,e com ambas as equipas a lutarem pela vitória.
Por Miguel Malaca em 15 de Sep de 2019

Com tudo isto, pode mesmo dizer-se que este encontro não merecia uma arbitragem fraca de João Malheiro Pinto, que teve dualidade de critérios em termos disciplinares contra os serranos e não assinalou um penálti aos 90’+4 (falta sobre Kukula), para além da expulsão injusta de Deivison(segundo amarelo).

O brasileiro teve realmente um jogo agri-doce. Entrou aos 57', viu amarelo aos 58', marcou aos 60' e foi expulso aos 87'.

Esta situação foi determinante para o desfecho da partida e para a derrota em campo. 

Quanto ao desafio, os leões da serra, no compto geral foi melhores, foram superiores, nomeadamente nos primeiros 45’, onde os matosinhenses não criaram perigo algum, e o Covilhã que dominou, teve em Kukula (por duas vezes) Mica e Adriano, possibilidades de poder facturar.

No 2º tempo, André Claro, entrou no Leixões aos 45' e fez um bom golo aos (47’), o Sp. Covilhã empata aos 60’ por Deivison, num espectacular contra-ataque iniciado por Gilberto,que de imediato endossou em Bonani e depois de algumas fintas na área, cruzou atrasado e o brasileiro concluiu com êxito.

Numa altura em que o encontro estava vibrante e equilibrado, aos 67’, num erro de Soares, deu 1º um livre ao adversário, daí nasceu depois um canto na qual surge o 1-2(auto-golo de Brendon Lucas que na ânsia de se antecipar a Bura, teve essa infelicidade de marcar na baliza contrária.

Os leões da serra ainda por Adriano (melhor jogador em campo e do mês de agosto para a Liga - recebeu o prémio antes do início do jogo) chegaram à igualdade aos 73’ com um grande golo. Cruzamento da direita de Tiago Moreira, e sem preparação ao segundo poste, grande pontapé com o pé esquerdo, que não deu hipóteses ao guardião contrário. Foi uma expulsão de alegria para os adeptos locais.

Já em tempo de compensação (90’+3), e quando se esperava o empate (já seria injusto para os da casa), e o Sp. Covilhã jogava com dez, após a expulsão do avançado Deivison aos 87', o jovem leixonense João Graça(tinha entrado aos 83'), após cruzamento da esquerda de Júnior Sena, entre os centrais serranos fez o 3º de cabeça, e a festa da vitória fez-se a Norte.

Grande jogo de futebol no Santos Pinto, duas grandes equipas, e onde a melhor equipa em campo (Sp. Covilhã) não ganhou.

Os serranos regressam ao trabalho na próxima terça-feira à tarde.

O Sporting da Covilhã joga no sábado em Chaves às 16 horas.

Relato na RCB. 

 


 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados