RCB/TuneIn
Domingo, 22 Set 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL√ćTICA
VEREADORES DO PS CRITICAM PRESIDENTE DA JUNTA
Rádio Cova da Beira
As declara√ß√Ķes da presidente da junta de freguesia de Souto da Casa √† denuncia feita na reuni√£o p√ļblica da CMF, no passado dia 9 de Agosto, pelos autarcas do Partido Socialista no executivo, que alertaram para a exist√™ncia de um estancamento de √°guas da na √°rea de lazer do Souto Casa ‚Äúcontribuem para promover a disc√≥rdia entre os regantes‚ÄĚ, afirmam os dois eleitos do PS na autarquia.
Por Paulo Pinheiro em 22 de Aug de 2019

Em comunicado, os dois vereadores socialistas afirmam que a decisão de levar o assunto à reunião da autarquia surge após terem presenciado e documentado a situação em registo fotográfico “a qual constitui, em si, uma contraordenação ambiental. Estamos perante uma situação que impede a utilização de água do domínio público por parte dos regantes a jusante do local”, sublinham.

Surpreendidos com as declarações da presidente da junta de freguesia de Souto da Casa à RCB, os eleitos do PS afirmam que por um lado a Dores Ladeira “desresponsabilizou-se, assumindo que não pretendia efectuar qualquer diligencia no sentido de resolver a situação porque o problema está na retirada de água do regadio pelos regantes que se encontram a montante. Por outro acusou a vereadora do PS de não conhecer a realidade e de apenas pretender os regantes da sua freguesia em conflito”.

“Não tendo acusado, quem quer que fosse, por esta situação anómala”, os vereadores do PS classificam as afirmações da presidente da junta de Souto da Casa “completamente despropositadas que ao invés de solucionar o problema contribuem para promover a discórdia entre os regantes”.

Joana Bento e Sérgio Mendes esperam que se encontre uma solução “que promova a coexistência entre o regadio e a praia fluvial”.

 

Oiça a peça sobre o tema em: http://www.rcb-radiocovadabeira.pt/pag/55032


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados