RCB/TuneIn
Terça, 17 Set 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
RESINEIROS E GUARDIÕES DA FLORESTA
Rádio Cova da Beira
O Instituto de Conservação da Natureza e Florestas e a Resipinus – Associação de destiladores e exploradores de resina, assinaram um protocolo com o objectivo de “transformar” os resineiros em vigilantes da floresta, em alturas de maior perigo de incêndio.
Por Paula Brito em 05 de Jun de 2019

Segundo João Lobo, presidente da câmara de Proença a Nova, o objectivo é “eles serem os guardiões da floresta”, uma vez que a actividade é desenvolvida do inicio da Primavera ao final do Verão, “quando em alerta máxima param a actividade e passam a fazer prevenção e vigilância.”

Para isso foi concedido um apoio “que é um pequeno alento e um contributo decisivo para a dignificação do trabalho.” O próximo passo é a elaboração de um manual de boas práticas e a formação dos resineiros.

O protocolo, assinado no decorrer das jornadas internacionais sobre o aproveitamento resineiro, que decorreram em Proença a Nova, pretende ainda rentabilizar uma actividade que encontra agora na indústria farmacêutica e cosmética, uma nova oportunidade.

“Podemos chegar por ano, por hectare a cerca de 400 euros, estamos a falar em pinhal adulto, acima de 20 anos, que não temos. O que queremos é que essa actividade, que é também de prevenção, leve à quebra deste ciclo de fogos.”

O autarca falava à margem do seminário sobre a temática que deu o pontapé de saída à rede europeia de territórios resineiros, uma iniciativa comunitária transnacional que envolve Portugal, Espanha e França. Agora, segundo João Lobo, é preciso que também o poder político olhe para o sector.

“Olhar para a resinagem como uma potencialidade que a fileira do pinheiro bravo tem e, por aí, também ter apoios comunitários.” A ideia é que, nesta passagem de quadros comunitários, sejam criadas condições “para que haja, a nível europeu, financiamento para esta actividade.”

*Com colaboração "Reconquista" 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados