RCB/TuneIn
Sábado, 24 Ago 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
DEPOIS DA BOIDOBRA, COVILHÃ E CANHOSO
Rádio Cova da Beira
Os eleitos do CDS/PP, PSD e DNCC na Assembleia de Freguesia da Covilhã e Canhoso denunciam convocatória ilegal da assembleia de freguesia e lamentam o modo “amador, incompetente como os assuntos de todos nós são tratados pelos membros da Mesa da Assembleia de Freguesia eleitos pelo PS.”
Por Paula Brito em 04 de May de 2019

À semelhança do que aconteceu na Boidobra, também a assembleia de freguesia de Covilhã e Canhoso não se realizou por não ter sido convocada dentro da legalidade. 

Uma vez que não foi assegurada a recepção dos documentos “em tempo útil” para apreciação das matérias incluídas na ordem de trabalhos, como é o caso das contas de gerência, CDS, PSD e De Novo Covilhã, requereram a ilegalidade formal da assembleia que não aconteceu “por manifesta incompetência do Presidente da Mesa da Assembleia que, não cumprindo as mais elementares regras e obrigações legais, prejudicou o funcionamento deste órgão autárquico, desrespeitando os eleitos e não dignificando o seu funcionamento democrático”, referem em comunicado, CDS, PSD e De Novo Covilhã.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados