RCB/TuneIn
Sábado, 24 Ago 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
JOVENS DEBATERAM A EUROPA
Rádio Cova da Beira
Cerca de uma dúzia de jovens participaram, ontem, no casino fundanense, na iniciativa promovida pela JSD do Fundão que teve como objectivo a realização de uma competição de debate no contexto do Parlamento Europeu.
Por Paula Brito em 23 de Apr de 2019

Na base do “Euromoot” está a ideia de que é preciso despertar nos jovens o pensamento crítico político, como referiu o presidente da JSD do Fundão, Cristiano Gaspar, na sessão de boas vindas.

“Eu creio que é importante que comecem a despertar o vosso pensamento critico e político o mais cedo possível, para quando chegarem à altura poderem ter um voto informado. O mais importante aqui é o confronto de ideias, em consigam pensar pela vossa cabeça, ter ideias próprias, cometerem e aprenderem com vossos erros.”

Lembrando as elevadas taxas de abstenção das eleições europeias, Miguel Gavinhos, presidente da concelhia social-democrata, falou da importância da Europa para a coesão territorial, lembrando os 400 milhões de euros que a Europa permitiu ao Fundão investir nos últimos 15 anos.

“Nós temos que demonstrar aos nossos concidadãos a importância que a Europa tem porque, se nós não tivéssemos esses recursos não teríamos um parque verde, não teríamos as piscinas, equipamentos desportivos para referir exemplos que dizem muito aos jovens.”

A secretária geral da JSD distrital, Daniela José, falou também da importância da Europa, dirigindo-se aos jovens “made in Europe”, isto é, à geração que nasceu na União Europeia e não conhece fronteiras.

“Nós vamos a Espanha e utilizamos o cartão de cidadão, os jovens desta sala nunca precisaram de um passaporte para se deslocar a qualquer país da Europa, a livre circulação de pessoas e mercadorias é uma conquista da União Europeia e que nós damos como um dado adquirido.”

Já o vice-presidente da comissão política nacional da JSD, Joaquim Gonçalves, destacou o “importante” sinal que o PSD deu ao colocar uma jovem de 27 anos em segundo lugar na lista ao Parlamento Europeu “já há muito tempo que um jovem não era eleito para deputado europeu, muitas vezes vemos os partidos a encherem a boca para falar da juventude, mas depois não dão espaço à juventude.”

Joaquim Gonçalves saudou ainda a iniciativa no Fundão que já teria valido a pena mesmo com uma única pessoa, relembrando a jovem sueca, de 16 anos, que com uma cartaz e uma enorme capacidade de comunicar, conseguiu mobilizar o mundo para uma causa ambiental.  


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados