RCB/TuneIn
Sábado, 25 Mai 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
MOVIMENTO OURONDO/RELVAS REVOLTADO
Rádio Cova da Beira
População de Ourondo/Relvas sente-se ferida e humilhada na sua entidade como povo. Em causa o programa das comemorações do 25 de Abril que contempla a inauguração de um forno comunitário em Casegas, esquecendo-se a câmara municipal da obra que lançou no Ourondo por altura da campanha eleitoral, a requalificação do Largo da Carreira.
Por Paula Brito em 22 de Apr de 2019

Uma obra que deveria criar uma zona de lazer, uns WC’s públicos e um abrigo para os passageiros.

“O senhor presidente da Câmara, não se pode desresponsabilizar do estado em que nos encontramos”, referem em comunicado, “assim como o estado da estrada que nos liga ao Paul. Aguardamos as devidas explicações por este estado de abandono.”

Um abandono que o movimento alarga também ao executivo da União de freguesias e que se traduz e, “ruas por limpar, zona de lazer imunda, placas de indicação estragadas, não por vandalismo, mas por falta de manutenção, caminhos intransitáveis, passeios degradados, etc...”

O movimento recorda ainda que “antes da malfadada agregação havia 1 funcionário em cada Junta, agora temos 2 em Casegas e NADA no Ourondo, a população tem de ser atendida no posto dos CTT.”

Aos eleitos na União de freguesia de Casegas Ourondo, que são do Ourondo, deixam um repto, “demitam-se, não participem mais nesta farsa, já chega!”


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados