RCB/TuneIn
Domingo, 19 Mai 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
ORQUESTRA SEM FRONTEIRAS FICA SEDIADA EM IDANHA
Rádio Cova da Beira
O projecto, que está a ser dirigido pelo músico Martim Sousa Tavares, tem como principal objectivo fixar jovens talentos no interior de Portugal e na raia espanhola e disseminar a cultura na região.
Por Nuno Miguel em 17 de Feb de 2019
Em comunicado, a autarquia idanhense sublinha que a «Orquestra Sem Fronteiras” pretende desenvolver “um processo de colaboração com as escolas de música, para reunir jovens a quem a orquestra vai garantir oportunidades de trabalho remunerado ao longo do ano, apoiando o mérito académico e possibilitando a construção de experiências profissionais durante os anos de estudo”.
Armindo Jacinto, presidente da autarquia de Idanha-a-Nova afirma que “a oportunidade de acolher um projecto prestigiante e inovador como esta «Orquestra Sem Fronteiras» é um orgulho e um reconhecimento do investimento que tem sido feito no sector cultural e, sobretudo, da ambição de, através das indústrias criativas e da música em particular, promover o desenvolvimento social, económico e cultural sustentado do território”.
No dia 22 de Março, a orquestra vai realizar a sua primeira apresentação pública no centro cultural raiano, estando prevista a apresentação de cinco programas em 17 localidades portuguesas e espanholas e o envolvimento de 102 músicos dos dois países, entre os 14 e os 20 anos”.
Na apresentação do projecto, Martim Sousa Tavares adiantou que a orquestra vai ter um orçamento de cem mil euros, mas o montante que poderá vir a aumentar, visto estar ainda a decorrer uma acção de "fund raising". Para além da programação cultural vai também ser dinamizada uma programação educativa e de formação de públicos, através de workshops e laboratórios de pedagogia musical para públicos específicos, entre os quais acções pedagógicas junto de escolas.
A “Orquestra Sem Fronteiras” é uma associação sem fins lucrativos, e conta com o apoio de mecenas, parceiros privados, autarquias e ainda nos ministérios da educação, da cultura e da economia, através da secretaria de estado da valorização do interior.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados