RCB/TuneIn
Domingo, 25 Ago 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
CULTURA
CARNAVAL DA NEVE: PROGRAMA APRESENTADO
Rádio Cova da Beira
Com um orçamento de 30 mil euros arrancam já este fim de semana as actividades do “Carnaval da Neve” na Covilhã. A iniciativa é novamente dinamizada em parceria pela câmara municipal e pelo clube nacional de montanhismo com o intuito de dinamizar um conjunto de actividades para fazer face ao aumento da procura turística que o concelho regista durante esta altura do ano.
Por Nuno Miguel em 15 de Feb de 2019
Um dos principais destaques vai para a realização do desfile “Carnaval do Mundo”, no dia três de Março, que vai contar com a participação de sete associações da cidade a par de outros quatro grupos que vão juntar-se à festa, como refere a vereadora com o pelouro da cultura “neste desfile vão participar o GIR do Rodrigo, a academia sénior, a banda da Covilhã, o grupo desportivo da Mata, o Oriental de São Martinho, o Vitória de Santo António e a associação do centro marciais da Covilhã. Nesse sentido muitos deles irão até aproveitar indumentárias que foram apresentadas em algumas iniciativas, como por exemplo nas marchas populares, e que agora vão ser recicladas em novos trajes. Para além disso vamos ter o grupo de Paulo Runa que vai estar a participar com a academia sénior, o grupo de Anabela Félix, um grupo de Orjais que pretende vir a integrar este desfile de uma maneira mais impactante nos próximos anos mas que em 2019 vai já estar representado e vamos ter também um grupo de brasileiros que está implantado não só na Covilhã mas também noutras cidades de Portugal e que faz questão de também participar no nosso desfile”.     
Regina Gouveia acrescenta que, para além do desfile, a galeria de exposições “António Lopes” vai também acolher uma exposição de 106 máscaras de diversas partes do mundo e que foram cedidas pelo museu do brincar “são máscaras que tem a ver com os vários continentes e procuram mostrar o papel da máscara em diferentes contextos. Além de ser uma exposição muito rica do ponto de vista icónico, porque são máscaras com diferentes cores e estilos, também servem para educar e nesse sentido há aqui um sentido educativo importante que vamos procurar desenvolver”.  
No dia um de Março vai decorrer o tradicional desfile social em que vão marcar presença cerca de 1000 crianças de quase todas as escolas do concelho e de vários lares e centros de dia. Na praça do município vai voltar a funcionar uma pista de gelo. Uma oferta que este ano será complementada com um banquete de gelo “o banquete serve para trabalhar actividades nas artes visuais e plásticas com crianças. Vai haver aqui alguns dias em que as actividades lectivas não estão em funcionamento e isso permite proporcionar às crianças um conjunto de actividades diferentes e também estabelecerem uma relação diferente com esta época”.   
Para os dias dois e quatro de Março está agendada a realização de dois bailes de carnaval, que este ano vão ter lugar no silo auto do mercado municipal. A realização de um concerto de carnaval pela banda da Covilhã e um baile para os utilizadores do centro de actividades são outras das actividades que fazem parte do programa.Para além das actividades que vão decorrer na cidade, também o clube nacional de montanhismo vai promover um conjunto de iniciativas de dinamização nas Penhas da Saúde. Lino Torgal, presidente da direcção, refere que o tradicional baile que vai decorrer na pousada da juventude é um dos pontos altos “as actividades que vamos desenvolver pretendem dar resposta aos dois ou três mil turistas que, por esta altura, estão na Serra da Estrela e mostrar-lhe que alguma coisa está a acontecer. Vamos ter o open de esqui que provavelmente se vai chamar «open da Covilhã – Carnaval da Neve». Vamos ter duas caminhadas, uma que será organizada pelo clube e outra pelos caminheiros da Rosa Negra e teremos também o grande baile de carnaval nas Penhas da Saúde, que regressou ao seu local original que é a pousada da juventude e que pretendemos, ao longo dos próximos anos, mantê-lo como produto turístico e dar-lhe cada vez mais dimensão.    
No âmbito deste conjunto de actividades foi também criado um passaporte, que engloba 12 estabelecimentos comerciais da Covilhã e que permite aos turistas recolher um carimbo em todos eles. Quando o passaporte estiver preenchido vão ter acesso a um kit do trapalhão, composto por um nariz e um gorro, esperando a autarquia terminar este conjunto de actividades com uma grande parada de trapalhões na praça do município na terça-feira de carnaval a que se segue o enterro do entrudo que vai ser realizado, como habitualmente, pelo Vitória de Santo António.  

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados