RCB/TuneIn
Sexta, 23 Ago 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
“NÃO ENTENDO TODO ESTE BURBURINHO”
Rádio Cova da Beira
É desta forma que o presidente da junta de freguesia de Unhais da Serra reage à contestação que tem vindo a ser efectuada a propósito da manutenção do posto da GNR naquela vila do concelho da Covilhã. O assunto vai ser debatido numa reunião extraordinária da assembleia de freguesia que está agendada para esta segunda-feira.
Por Nuno Miguel em 04 de Feb de 2019
José Guerreiro sublinha que não está prevista nenhuma alteração ao modelo de funcionamento, em horário reduzido, situação que já se prolonga desde 2011. O autarca refere que a preocupação reside na falta de condições do actual posto da GNR mas a junta tem vindo a trabalhar no sentido de encontrar uma solução alternativa “todos sabemos que o actual posto da GNR não oferece grandes condições mas a junta de freguesia tem-se disponibilizado para ajudar a encontrar uma solução que permita melhores condições para o trabalho desenvolvido por esta força de segurança. A nossa solução passa por instalar a GNR em parte do edifício da junta de freguesia que teria de sofrer algumas obras de requalificação. Por isso não consigo entender o burburinho que foi criado em torno desta situação quando toda a gente sabe em Unhais da Serra que o posto da GNR está a trabalhar desde 2011 apenas em horário de atendimento e é dessa forma que se irá manter”.     
Outra das matérias que vai ser analisada é o aumento da factura da água, uma vez que em Unhais da Serra a gestão do serviço é assegurada pela junta de freguesia. José Guerreiro refere que há vários anos que o valor não é aumentado e importa fazer uma actualização por forma a garantir a prestação de um serviço de qualidade às populações “a rede de águas é da freguesia e nós temos a obrigação de a manter em condições e de prestar um serviço de qualidade à comunidade. Nós entendemos que deve ser feito um aumento do preço da água, porque estamos a praticar valores extremamente baixos em relação ao município, e queremos fazer essa actualização porque a autarquia sem este aumento não pode continuar a fazer o mesmo trabalho com a mesma qualidade”.   
A reunião extraordinária da assembleia de freguesia foi inicialmente convocada para a passada segunda-feira, mas acabou por não se realizar por falta de quórum uma vez que os cinco eleitos do PS não marcaram presença no encontro. Apenas estiveram presentes os três deputados do movimento “De Novo Covilhã” e o eleito da lista “Todos por Unhais”.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados