RCB/TuneIn
Quinta, 27 Jun 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
AJUVAL RENASCE EM VALVERDE
Rádio Cova da Beira
Passados quase cinco anos de inactividade, a AJUVAL foi reactivada por um grupo de jovens que pretende dinamizar a sede, promover iniciativas, cooperar com outras associa√ß√Ķes locais e retomar o projecto da mobilidade europeia. Objectivos tra√ßados pelo novo presidente da Associa√ß√£o de Jovens de Valverde no dia que se assinalou a reactiva√ß√£o da jovem associa√ß√£o.
Por Paula Brito em 14 de Jan de 2019

“Queríamos fazer algo pelos nossos jovens, então decidimos reabrir a sede da Ajuval que fomos encontrar com paredes estragadas, muita humidade e muito lixo.”

Requalificado o primeiro e o segundo piso, a nova direcção, presidida por Gonçalo Nave, tem agora como objectivo a requalificação do terceiro piso. “O terceiro piso precisa de levar gesso no tecto, pinturas e um revestimento por causa da humidade.” A sede vai estar aberta aos fins de semana, “com mini actividades, vamos também apostar nos intercâmbios e noutros projectos com outras colectividades que temos aqui em Valverde.”

As dívidas encontradas também estão regularizadas “a maior era de 2.600 euros, depois era a dívida da luz e da água, mas actualmente está tudo regularizado.”

O vice presidente da câmara do Fundão, Miguel Gavinhos, deu as boas vindas à Ajuval que surge numa altura importante para o associativismo juvenil do concelho.

“É importante porque a partir deste ano vamos ter a sede da Federação das Associações Juvenis do distrito de Castelo Branco, temos mais uma associação a nascer no concelho, que é o Clube Náutico do Fundão, e temos já cinco associações juvenis, e isso é importante porque cada vez mais faz falta a participação dos jovens no processo de decisão.”

A Ajuval contou com o apoio financeiro, de 2.400 euros, e logístico do município do Fundão que viu na equipa de jovens potencial para reactivar uma associação que está a completar 22 anos.

“Nós sentimos que havia um grande compromisso da parte destes jovens, de fazer algo diferente, de reabilitar a sede, regularizar as contas, e por isso estamos muito satisfeitos com esta parceria que restabelecemos agora.”

Restabelecido foi também o subsídio mensal de cerca de 200 euros à Ajuval. Ficou ainda o compromisso quer do município, quer da União de freguesias de Fundão, Valverde, Donas, Aldeia de Joanes e Aldeia Nova do Cabo de apoio à renascida associação juvenil.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados