RCB/TuneIn
S√°bado, 23 Mar 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
ALPEDRINHA: INCÊNDIO DEIXA MULHER DESALOJADA
Rádio Cova da Beira
Uma mulher, de cerca de 60 anos, ficou desalojada no inc√™ndio que deflagrou ontem √† tarde em Alpedrinha. O fogo, que teve origem na lareira, destruiu por completo a habita√ß√£o. Os bombeiros estiveram toda a noite no local em rescaldo e vigil√Ęncia, e segundo o comandante, Jos√© Sousa, ¬ďainda ali h√° trabalhado para uns dias.¬Ē
Por Paula Brito em 06 de Jan de 2019

O alerta foi dado cerca das 17h 23 e mobilizou cerca de 40 bombeiros com o apoio de 17 viaturas. Segundo o comandante dos BVF, José Sousa, à chegada ao local, a casa, na rua do Espírito Santo, já estava tomada pelas chamas.

“Era uma casa de três pisos, à chegada a chamas já estavam a sair pelo telhado, a partir do momento que vimos que não podíamos fazer face à situação, devido à evolução do incêndio e à falta de condições de segurança, a estratégia principal foi a defesa da envolvente, nomeadamente uma capela que estava praticamente encostada.”

O fogo, segundo relatou a única habitante da casa no local, teve origem na lareira.

“Terá sido a própria que acendeu a lareira, e como havia portas e janelas abertas e vento no local, houve partículas incandescentes que saíram da lareira e foram projectadas para um sofá que devia estar muito próximo da lareira. Pela informação de deu a residente, o fogo terá tido início nesse espaço, ela ainda tentou apaga-lo numa fase inicial mas já não conseguiu”.

O estado avançado do incêndio e a elevada carga térmica no interior do edifício, foi a principal dificuldade dos bombeiros no combate e também no rescaldo. Os bombeiros passaram a noite no local, onde há trabalho para os próximos dias.

“Há lá fogo para uns dias, porque o telhado e toda a madeira caiu para dentro do edifício e lá no fundo há uns três metros de detritos. O que vamos fazer é manter o arrefecimento permanente para que não haja reactivações, há ali trabalho para vários dias.”

A única habitante da casa, uma mulher de cerca de 60 anos, ainda foi transportada para o hospital para ser assistida devido à inalação de fumos, os serviços sociais da câmara do Fundão tomaram conta da situação e estão a realojar a sexagenária.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados