RCB/TuneIn
Quarta, 16 Jan 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
“QUESTÕES DE SEGURANÇA DEVEM SER ACAUTELADAS”
Rádio Cova da Beira
O líder da bancada do CDS/PP na assembleia municipal da Covilhã considera que a autarquia deve avançar com rapidez para a criação do conselho municipal de segurança. Na última reunião do órgão, João Vasco Caldeira sublinha que o enquadramento legal leva a que todos os municípios sejam obrigados a criar esse organismo e por isso apresentou uma recomendação para que a câmara da Covilhã possa concretizar esse objectivo em 2019.
Por Nuno Miguel em 04 de Jan de 2019

Outras da categoria:

“É nossa obrigação assegurar que as questões da segurança sejam devidamente acauteladas, nomeadamente para tentar evitar as situações em que existem falhas de dimensões sempre trágicas, muitas vezes com custos elevados em termos patrimoniais e sobretudo em termos humanos. Ainda recentemente assistimos no nosso concelho às movimentações alarmistas em relação à reestruturação de funcionamento dos postos da GNR. Estamos certos que neste e noutros casos o papel do conselho municipal de segurança seria determinante para uma efectiva melhoria das condições de segurança e dos serviços de apoio à população”.   
Uma moção de recomendação que acabou por não ser votada depois de Vítor Pereira se ter pronunciado sobre o assunto. O presidente da câmara da Covilhã garante que “esta é uma discussão estéril porque em Junho de 2015 foi criada uma comissão nesta assembleia municipal tendo em vista a criação deste conselho municipal de segurança. Se ele não tem funcionado, não faço ideia. O senhor deputado não descobriu a pólvora nem pode dizer que vem colmatar uma lacuna porque a comissão existe. Vamos ver o que está a acontecer e disso irei dar conta aos senhores deputados numa próxima reunião”.  

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados