RCB/TuneIn
Sexta, 18 Jan 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
“SE CHEGAR ALGUÉM TERÁ DE SER UMA MAIS VALIA”
Rádio Cova da Beira
O director técnico da equipa de futsal da associação desportiva do Fundão gostaria de ver o plantel reforçado com pelo menos mais um atleta para atacar a segunda metade do campeonato. Com as saídas de Rafa e de Parente, que integravam o plantel principal, o número de opções ficou mais reduzido.
Por Nuno Miguel em 02 de Jan de 2019
De qualquer forma Nuno Couto sublinha que o clube não está desesperado e, se chegar algum jogador, terá de ser uma mais valia para a equipa “sentimos que o plantel está um pouco curto, andamos à procura de uma possível solução para uma posição específica mas o Fundão não está desesperado à procura de jogadores. Se encontrarmos alguém que venha acrescentar uma mais valia para o plantel cá estaremos para tratar disso. Se não aparecer nenhuma solução que nos dê garantias de melhorar a qualidade do plantel como já disse não estamos desesperados e se não houver lesões nem castigos estamos preparados para o resto da época”. 
Neste mês de Janeiro a equipa do Fundão vai enfrentar para o campeonato a formação do Quinta dos Lombos e depois disso vai estar envolvida na «final eight» da taça da liga onde vai defrontar a formação do Braga nos quartos de final. Nuno Couto traça como objectivo chegar o mais longe possível nesta competição “é quase uma obrigatoriedade o Fundão estar nos primeiros oito lugares na primeira volta do campeonato para chegar à fase final dessa competição. Não tivemos a infelicidade de calhar com o Benfica ou com o Sporting e sabemos que com todas as outas equipas são jogos sempre muito equilibrados e não há um vencedor antecipado. Vamos agora preparar o jogo com a Quinta dos Lombos para o campeonato e depois disso queremos chegar ao jogo com o Braga e confiantes de que podemos seguir em frente”.  
Já no dia 26 de Janeiro, a equipa da ADF desloca-se ao recinto do Aves em partida a contar para a terceira eliminatória da taça de Portugal e Nuno Couto define como grande objectivo também chegar à «final eight» desta competição “o Fundão já tem pergaminhos no futsal português que obriga a que o clube esteja nas fases de decisão. Vamos jogar contra o Aves que está na segunda divisão, ainda não tivemos muita preocupação com esse jogo porque há outros objectivos para cumprir antes disso mas estar na final a oito da taça de Portugal é claramente um objectivo”.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados