RCB/TuneIn
Terça, 15 Out 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
VERDINHO: OBRAS LEVANTAM DÚVIDAS
Rádio Cova da Beira
Um grupo de empresários pede à câmara da Covilhã que esclareça publicamente alegadas ilegalidades No concurso que adjudicou o quiosque Verdinho, no centro da cidade, à EMPRESA "Estrela Nevada - comércio de produtos alimentares, Lda.", com sede na Covilhã.
Por Paula Brito em 30 de Dec de 2018

Depois de um empresário ter estado na última reunião pública do executivo a pedir esclarecimentos sobre o assunto, o grupo de comerciantes diz que as respostas foram “contraditórias e inconclusivas” e pede, em comunicado, esclarecimentos sobre o assunto, em nome da concorrência salutar e igualdade de tratamento para todos.

Em causa está, por um lado, a autorização de utilização do espaço. Na reunião do passado dia 21 foi dito que a utilização para o quiosque “Verdinho” era restauração e bebidas, mas a minuta das condições gerais de locação, apensa ao concurso, refere “desde comércio de bebidas, sem lugar a preparação de refeições, até a produtos regionais e de merchandising turístico”. Uma alteração que, segundo o empresário, deve ser sujeita a parecer da Direcção Geral da Cultura “visto que o estabelecimento está localizado dentro de zona de protecção do património da cidade, em proximidade à igreja da misericórdia”, mas também da autoridade regional de saúde, uma vez que a restauração pressupõe a realização de obras como a criação de uma cozinha ou copa.

Por outro lado, os empresários questionam se os trabalhos de movimentação de terras, e ampliação da volumetria não estarão sujeitos igualmente ao parecer da Direcção Geral de Cultura.

Os comerciantes querem ainda saber se as obras estão aprovadas em projecto e se foram recolhidos todos os pareceres necessários, bem como se o município cumpriu o seu dever de fiscalização.

 

 

 

 

* notícia alterada. 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados